Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 14 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Etanol eleva competitividade nos postos de SP, PR, MT e GO



20/03/2010 | 07:00


A nova queda de preços do etanol registrada nos postos de combustíveis elevou a competitividade em relação a gasolina nos Estados de São Paulo, Paraná, Goiás e Mato Grosso, de acordo com dados da ANP (Agência Nacional de Petróleo Gás Natural e Biocombustíveis), referentes à semana terminada em 19 de março de 2010.

Em 20 Estados e no Distrito Federal, a gasolina segue competitiva no bolso no consumidor. Em Tocantins e na Bahia, é indiferente o uso de etanol e do combustível derivado do petróleo.

No Estado de São Paulo, que concentra mais de 50% do consumo de etanol, o combustível renovável aumentou sua competitividade, na média dos preços compilados pela ANP. Considerando o preço médio da gasolina de R$ 2,464 por litro no Estado paulista, o etanol hidratado é competitivo na região até R$ 1,7248 e, na média da agência, o preço em São Paulo ficou em R$ 1,62 por litro, 6% abaixo do ponto de equilíbrio entre gasolina e etanol.

Na semanaos preços do etanol recuaram 3,97% no Estado de São Paulo. Atualmente, ele permanece vantajoso nos Estados de Mato Grosso, Goiás, Paraná e São Paulo. A vantagem é calculada considerando que o poder calorífico do motor a álcool é de 70% do poder nos motores à gasolina.

No cálculo, são utilizados valores médios coletados em postos de todos os Estados e no Distrito Federal. Desde a semana de 16 de outubro de 2009, a gasolina passou a ser vantajosa em mais Estados do País que o etanol.

Segundo o levantamento, em Goiás, o preço do etanol está em 62,09% do preço da gasolina, no Paraná, a relação é de 65,04%, em São Paulo está em 65,75%, e no Mato Grosso de 67,29%. A gasolina está mais vantajosa principalmente no Amazonas (preço do etanol é 90,11% do valor da gasolina), Rio Grande do Sul (86,51%), Acre (84,62%) e Piauí (84,57%).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;