Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 5 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Revendas antecipam compras


Lana Pinheiro
Do Diário do Grande ABC

01/06/2006 | 07:32


Concessionárias da Rede Volkswagen anteciparam suas compras junto à montadora para afastar o risco de desabastecimento devido às paralisações promovidas pelos trabalhadores de São Bernardo, Taubaté (SP) e São José dos Pinhais (PR). Com a estratégia, dizem lojistas, as vendas aos consumidores finais estão garantidas.

Na Savol, de Santo André, o estoque de 100 unidades passou para 150. O volume, de acordo o gerente de vendas, Edimar Vieira de Lima, é suficiente para atender a demanda. "Vendemos, em média, cinco ou seis carros por dia, se houver alguma interrupção no fornecimento temos boa margem no estoque para trabalhar".

Das 150 unidades da concessionária 70% são da linha Fox, 20% de modelos Gol e os 10% pulverizados em unidades do Polo, Parati, Saveiro, Golf e Bora. "Estamos preparados para eventualidades. Mas, se o consumidor quiser um modelo que não temos recorremos à venda direta da montadora que também está regular".

Em São Caetano, a Dirauto, que trabalha com 70 carros em estoque, ampliou para 90. Fila de espera, explica o gerente de vendas Carlos Alberto Batista, só para carros importados devido à greve dos funcionários da Receita Federal. Caso do Space Fox, produzido na Argentina, e do New Beetle, fabricado no México.

GM – Nas concessionárias da General Motors os protestos dos trabalhadores não alteraram a rotina. Na Viamar, o estoque, que gira de 300 a 500 veículos, está regular e até mesmo as vendas diretas da montadora funcionam sem problemas, segundo o consultor Marcelo Gonçalves Dias.

Já na Primarca, de São Caetano, o estoque era de 100 unidades e está em 150, mas segundo Edvaldo Piotto, gerente de vendas, a expansão do estoque não tem relação alguma com a greve. "Teremos Feirão este fim de semana e esperamos bom movimento".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Revendas antecipam compras

Lana Pinheiro
Do Diário do Grande ABC

01/06/2006 | 07:32


Concessionárias da Rede Volkswagen anteciparam suas compras junto à montadora para afastar o risco de desabastecimento devido às paralisações promovidas pelos trabalhadores de São Bernardo, Taubaté (SP) e São José dos Pinhais (PR). Com a estratégia, dizem lojistas, as vendas aos consumidores finais estão garantidas.

Na Savol, de Santo André, o estoque de 100 unidades passou para 150. O volume, de acordo o gerente de vendas, Edimar Vieira de Lima, é suficiente para atender a demanda. "Vendemos, em média, cinco ou seis carros por dia, se houver alguma interrupção no fornecimento temos boa margem no estoque para trabalhar".

Das 150 unidades da concessionária 70% são da linha Fox, 20% de modelos Gol e os 10% pulverizados em unidades do Polo, Parati, Saveiro, Golf e Bora. "Estamos preparados para eventualidades. Mas, se o consumidor quiser um modelo que não temos recorremos à venda direta da montadora que também está regular".

Em São Caetano, a Dirauto, que trabalha com 70 carros em estoque, ampliou para 90. Fila de espera, explica o gerente de vendas Carlos Alberto Batista, só para carros importados devido à greve dos funcionários da Receita Federal. Caso do Space Fox, produzido na Argentina, e do New Beetle, fabricado no México.

GM – Nas concessionárias da General Motors os protestos dos trabalhadores não alteraram a rotina. Na Viamar, o estoque, que gira de 300 a 500 veículos, está regular e até mesmo as vendas diretas da montadora funcionam sem problemas, segundo o consultor Marcelo Gonçalves Dias.

Já na Primarca, de São Caetano, o estoque era de 100 unidades e está em 150, mas segundo Edvaldo Piotto, gerente de vendas, a expansão do estoque não tem relação alguma com a greve. "Teremos Feirão este fim de semana e esperamos bom movimento".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;