Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

S.Caetano faz campanha contra câncer bucal


Rita Norberto
Do Diário do Grande ABC

13/04/2003 | 20:02


A Diretoria de Saúde e Vigilância Sanitária de São Caetano, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde, realiza até o dia 30 a 3ª edição da Campanha de Prevenção e Diagnóstico Precoce do Câncer Bucal, direcionada às pessoas com mais de 60 anos – aproveitando a campanha da vacinação contra gripe. A campanha visa orientar a população sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce da doença. Neste período, serão realizados exames preventivos gratuitos. Em caso de sinal da doença, as pessoas serão encaminhadas ao Hospital Heliópolis, em São Paulo, que está preparado para o tratamento. Os casos mais simples de saúde bucal serão tratados nas próprias UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município.

Na abertura da campanha, no último sábado, os exames foram realizados em três locais: no Centro de Saúde, no Centro de Convivência da Terceira Idade João Nicolau Braido e na UBS Nair Benedict. A partir desta segunda-feira, o atendimento passa ser nas UBSs e nos centros de saúde, das 8h às 17h. Os endereços podem ser obtidos pelo telefone 4232-9400, da coordenação. A campanha não atenderá nos dias 17 e 21 devido aos feriados de Sexta-feira da Paixão e Tiradentes. A ajudante geral Magdalena Ribeiro, 39 anos, aproveitou o último sábado para fazer exames de prevenção no Centro de Saúde do município. “Passei aqui só para fazer um exame de rotina”, disse.

Auto-exame – No atendimento, as pessoas recebem folhetos explicativos que mostram como realizar o auto-exame, pelo menos uma vez por mês. Segundo a responsável técnica operacional de Coordenação Odontológica, a dentista Cíntia Regina Anunciato Martins, com o toque das mãos as pessoas podem perceber o surgimento de nódulos na região do rosto, pescoço, lábios, gengiva e língua. Também é possível notar alterações no tom da pele ou surgimento de manchas que não cicatrizam após duas ou três semanas, sinal que indica a necessidade de uma avaliação médica ou de um dentista. “As pessoas também devem ficar atentas a cáries e próteses mal adaptadas, que podem causar lesões na boca.”

Segundo Cíntia, entre as pessoas com maior predisposição para doença estão homens acima dos 40 anos, que sejam fumantes e consumidores de álcool. Estas duas substâncias enfraquecem o sistema imunológico. O folheto da campanha diz que o fumo, por exemplo, possui 60 substâncias químicas que podem provocar a doença.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

S.Caetano faz campanha contra câncer bucal

Rita Norberto
Do Diário do Grande ABC

13/04/2003 | 20:02


A Diretoria de Saúde e Vigilância Sanitária de São Caetano, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde, realiza até o dia 30 a 3ª edição da Campanha de Prevenção e Diagnóstico Precoce do Câncer Bucal, direcionada às pessoas com mais de 60 anos – aproveitando a campanha da vacinação contra gripe. A campanha visa orientar a população sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce da doença. Neste período, serão realizados exames preventivos gratuitos. Em caso de sinal da doença, as pessoas serão encaminhadas ao Hospital Heliópolis, em São Paulo, que está preparado para o tratamento. Os casos mais simples de saúde bucal serão tratados nas próprias UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município.

Na abertura da campanha, no último sábado, os exames foram realizados em três locais: no Centro de Saúde, no Centro de Convivência da Terceira Idade João Nicolau Braido e na UBS Nair Benedict. A partir desta segunda-feira, o atendimento passa ser nas UBSs e nos centros de saúde, das 8h às 17h. Os endereços podem ser obtidos pelo telefone 4232-9400, da coordenação. A campanha não atenderá nos dias 17 e 21 devido aos feriados de Sexta-feira da Paixão e Tiradentes. A ajudante geral Magdalena Ribeiro, 39 anos, aproveitou o último sábado para fazer exames de prevenção no Centro de Saúde do município. “Passei aqui só para fazer um exame de rotina”, disse.

Auto-exame – No atendimento, as pessoas recebem folhetos explicativos que mostram como realizar o auto-exame, pelo menos uma vez por mês. Segundo a responsável técnica operacional de Coordenação Odontológica, a dentista Cíntia Regina Anunciato Martins, com o toque das mãos as pessoas podem perceber o surgimento de nódulos na região do rosto, pescoço, lábios, gengiva e língua. Também é possível notar alterações no tom da pele ou surgimento de manchas que não cicatrizam após duas ou três semanas, sinal que indica a necessidade de uma avaliação médica ou de um dentista. “As pessoas também devem ficar atentas a cáries e próteses mal adaptadas, que podem causar lesões na boca.”

Segundo Cíntia, entre as pessoas com maior predisposição para doença estão homens acima dos 40 anos, que sejam fumantes e consumidores de álcool. Estas duas substâncias enfraquecem o sistema imunológico. O folheto da campanha diz que o fumo, por exemplo, possui 60 substâncias químicas que podem provocar a doença.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;