Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 21 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Servidores do INSS em SP terão que pagar multa por greve


Do Diário OnLine

14/06/2005 | 11:13


O Sinsprev-SP (Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência do Estado de São Paulo) terá que pagar multa de R$ 10 mil por dia, a partir desta terça-feira, por descumprimento de decisão judicial. Na semana passada, a juíza da 3ª Vara Federal, Maria Lúcia Lencastre Ursaia, determinou que 60% dos servidores do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) de São Paulo garantissem o atendimento nos postos.

No entanto, a categoria descumpriu a decisão e decidiu manter a greve iniciada no último dia 2. Segundo a decisão de Ursaia, o valor da multa dobrará a cada três dias.

A juíza determinou a multa depois que os diretores do Sinsprev-SP não compareceram na segunda-feira a uma audiência para explicar porque estavam descumprindo sua decisão. Segundo o sindicato, porém, seus advogados haviam pedido na sexta que a reunião fosse realizada nesta terça.

Os servidores em greve pedem aumento de 18%, referente às perdas salariais do governo Luiz Inácio Lula da Silva. Mas o governo apresentou proposta salarial de 0,01% de reajuste.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Servidores do INSS em SP terão que pagar multa por greve

Do Diário OnLine

14/06/2005 | 11:13


O Sinsprev-SP (Sindicato dos Trabalhadores em Saúde e Previdência do Estado de São Paulo) terá que pagar multa de R$ 10 mil por dia, a partir desta terça-feira, por descumprimento de decisão judicial. Na semana passada, a juíza da 3ª Vara Federal, Maria Lúcia Lencastre Ursaia, determinou que 60% dos servidores do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) de São Paulo garantissem o atendimento nos postos.

No entanto, a categoria descumpriu a decisão e decidiu manter a greve iniciada no último dia 2. Segundo a decisão de Ursaia, o valor da multa dobrará a cada três dias.

A juíza determinou a multa depois que os diretores do Sinsprev-SP não compareceram na segunda-feira a uma audiência para explicar porque estavam descumprindo sua decisão. Segundo o sindicato, porém, seus advogados haviam pedido na sexta que a reunião fosse realizada nesta terça.

Os servidores em greve pedem aumento de 18%, referente às perdas salariais do governo Luiz Inácio Lula da Silva. Mas o governo apresentou proposta salarial de 0,01% de reajuste.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;