Fechar
Publicidade

Sábado, 19 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Alemanha nega recurso de marroquinos contra expulsão


Da AFP

15/09/2004 | 11:56


As autoridades de Hamburgo, ao norte da Alemanha, recusaram nesta quarta-feira os recursos apresentados pelos marroquinos Munir El-Motassadeq e Abedelghani Mzoudi, suspeitos de colaborar com os terroristas que executaram os atentados de 11 de setembro de 2001 nos Estados Unidos.

O ministro do Interior de Hamburgo, Udo Nagel, reafirmou que o governo dessa cidade-estado mantém sua postura de expulsar da Alemanha as pessoas que colaboram ou apóiam o terrorismo internacional. "Nos casos de Motassadeq e de Mzoudi, nossa posição não mudou", disse Nagel.

Os dois marroquinos ainda podem apresentar um ação ao Tribunal de Litígio Administrativo de Hamburgo.

A ordem de expulsão entrará em vigor ao final dos julgamentos penais de ambos. El-Motassadeq está sendo processado pela segunda vez, enquanto Mzoudi ainda espera um segundo julgamento.

El-Motassadeq foi condenado a 15 anos de prisão no primeiro processo, mas a Suprema Corte Federal de Justiça da Alemanha anulou a sentença e ordenou um novo processo à Audiência Territorial de Hamburgo.

Mzoudi foi absolvido por falta de provas em primeira instância, mas a justiça ainda não decidiu sobre o recurso apresentado pela promotoria contra a sentença.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;