Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Terrorismo ameaça cúpula da Apec


Da AFP

17/08/2003 | 11:00


A cúpula do Foro de Cooperação Econômica Ásia Pacífico (Apec) se acha ainda sob a ameaça de uma ação terrorista, apesar da prisão do cérebro da rede terrorista do sudeste asiático, observou neste domingo o secretário de Estado adjunto americano, Richard Armitage.

Capturado na semana passada na Tailândia, Riduan Bin Isamudin, ou Hambali, suposto dirigente máximo da Jemaah Islamiyah e colaborador próximo do chefe da rede terrorista Al Qaeda, Osama Bin Laden, foi acusado de ter preparado ataques contra esta cúpula prevista para 20 e 21 de outubro próximos, em Bangcoc, na qual deve participar o presidente americano George W. Bush.

Armitage, que se encontra na Austrália para conversar com membros do governo de Canberra sobre a guerra contra o terrorismo e sobre a Coréia do Norte, explicou que não se deve pensar que esta prisão afasta a ameaça de um atentado contra a reunião da Apec.

"Capturamos o principal organizador, mas não todos os membros da Al Qaeda ou da Jemaah Islamiyah", afirmou, explicando que existe uma "ameaça geral" e não apenas dirigida contra a cúpula da Apec. O primeiro-ministro australiano, John Howard, declarou este domingo que só não participará na reunião da Apec se os serviços secretos de seu país assim aconselharem.

O primeiro-ministro tailandês, Thaksin Shinawatra, revelou este sábado que Hambali estava preparando um atentado contra a cúpula da Apec quando foi detido na cidade de Ayuthaya, no centro da Tailândia.

Hambali é acusado pelo atentado de Bali, que, em 12 de outubro de 2002, deixou um saldo de 202 mortos, e contra o hotel Marriott de Jacarta, na semana passada, quando morreram 12 pessoas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Terrorismo ameaça cúpula da Apec

Da AFP

17/08/2003 | 11:00


A cúpula do Foro de Cooperação Econômica Ásia Pacífico (Apec) se acha ainda sob a ameaça de uma ação terrorista, apesar da prisão do cérebro da rede terrorista do sudeste asiático, observou neste domingo o secretário de Estado adjunto americano, Richard Armitage.

Capturado na semana passada na Tailândia, Riduan Bin Isamudin, ou Hambali, suposto dirigente máximo da Jemaah Islamiyah e colaborador próximo do chefe da rede terrorista Al Qaeda, Osama Bin Laden, foi acusado de ter preparado ataques contra esta cúpula prevista para 20 e 21 de outubro próximos, em Bangcoc, na qual deve participar o presidente americano George W. Bush.

Armitage, que se encontra na Austrália para conversar com membros do governo de Canberra sobre a guerra contra o terrorismo e sobre a Coréia do Norte, explicou que não se deve pensar que esta prisão afasta a ameaça de um atentado contra a reunião da Apec.

"Capturamos o principal organizador, mas não todos os membros da Al Qaeda ou da Jemaah Islamiyah", afirmou, explicando que existe uma "ameaça geral" e não apenas dirigida contra a cúpula da Apec. O primeiro-ministro australiano, John Howard, declarou este domingo que só não participará na reunião da Apec se os serviços secretos de seu país assim aconselharem.

O primeiro-ministro tailandês, Thaksin Shinawatra, revelou este sábado que Hambali estava preparando um atentado contra a cúpula da Apec quando foi detido na cidade de Ayuthaya, no centro da Tailândia.

Hambali é acusado pelo atentado de Bali, que, em 12 de outubro de 2002, deixou um saldo de 202 mortos, e contra o hotel Marriott de Jacarta, na semana passada, quando morreram 12 pessoas.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;