Fechar
Publicidade

Domingo, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Vigilância proíbe uso e venda de produtos da Oft Vision


Do Diário OnLine

16/04/2003 | 15:43


O Centro de Vigilância Sanitária (CVS), da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, proibiu nesta quarta-feira a comercialização e uso dos produtos da empresa de lentes de contato Oft Vision, que foi multada e interditada após vistoria.

O CVS constatou na empresa falta de treinamento dos funcionários, o armazenamento inadequado dos produtos e liberação de produtos para a venda antes da conclusão dos testes de esterilidade.

Também foram encontrados documentos contendo reclamações dos serviços de saúde que usaram os produtos, tais como, lente intra-ocular com grau diferente do inscrito na caixa, reação alérgica, infecção grave e até perda da visão em alguns pacientes submetidos a tratamento com esses produtos

O órgão determinou ainda o recolhimento pela empresa fabricante das unidades vendidas e solicitou aos estabelecimentos de saúde que tenham utilizado os produtos da empresa que relatem ao CVS, através do fax (011) 3257-7650, possíveis ocorrências com seus pacientes.

A vistoria foi realizada depois que o CVS recebeu denúncias de que a solução oftálmica Oft Visc (2% seringa lote ME2SE0203) e as lentes OftSol (250 e 500) têm a qualidade comprometida e podem ter causado danos irreparáveis à visão de alguns usuários.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vigilância proíbe uso e venda de produtos da Oft Vision

Do Diário OnLine

16/04/2003 | 15:43


O Centro de Vigilância Sanitária (CVS), da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, proibiu nesta quarta-feira a comercialização e uso dos produtos da empresa de lentes de contato Oft Vision, que foi multada e interditada após vistoria.

O CVS constatou na empresa falta de treinamento dos funcionários, o armazenamento inadequado dos produtos e liberação de produtos para a venda antes da conclusão dos testes de esterilidade.

Também foram encontrados documentos contendo reclamações dos serviços de saúde que usaram os produtos, tais como, lente intra-ocular com grau diferente do inscrito na caixa, reação alérgica, infecção grave e até perda da visão em alguns pacientes submetidos a tratamento com esses produtos

O órgão determinou ainda o recolhimento pela empresa fabricante das unidades vendidas e solicitou aos estabelecimentos de saúde que tenham utilizado os produtos da empresa que relatem ao CVS, através do fax (011) 3257-7650, possíveis ocorrências com seus pacientes.

A vistoria foi realizada depois que o CVS recebeu denúncias de que a solução oftálmica Oft Visc (2% seringa lote ME2SE0203) e as lentes OftSol (250 e 500) têm a qualidade comprometida e podem ter causado danos irreparáveis à visão de alguns usuários.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;