Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Deflação no Grande ABC cai em julho e alcança 0,09%


Mariana Oliveira
Do Diário do Grande ABC

05/08/2005 | 07:59


O Grande ABC registrou deflação de 0,09% no mês de julho, mas a queda nos preços teve menor intensidade do que no mês anterior, quando a taxa ficou negativa em 0,15% e apresentou o menor índice desde julho de 2003. Os dados fazem parte da pesquisa do IPC-Imes (Índice de Preços ao Consumidor medido pela Universidade Municipal de São Caetano).

Os setores responsáveis pela queda atual foram alimentação e vestuário. "Podemos destacar a antecipação das liquidações da coleção de inverno no mês de julho como responsável pela queda nos preços", afirmou o economista Lúcio Flávio Dantas, pesquisador do Inpes-Imes (Instituto de Pesquisas do Imes). Em São Paulo, o IPC-DI (Índice de Preços ao Consumidor - Disponibilidade) teve alta de 0,13% em julho ante queda de 0,05% em junho, graças ao reajuste de telefonia fixa (4,25%), de acordo com a Fundação Getúlio Vargas.

O acumulado da inflação dos sete primeiros meses do ano no Grande ABC ficou em 2,25%, e a taxa média do ano é de 0,32%. De acordo com Dantas, isso significa que, se o índice se mantivesse, a inflação regional iria encerrar o ano abaixo dos 4%, índice inferior aos 5,1% estipulado pelas autoridades monetárias para 2005.

IGP-DI - O IGP-DI (Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna), indexador usado para reajuste na tarifa de telefone, atingiu em julho a terceira deflação consecutiva e caiu 0,40%, ante queda de 0,45% em junho.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Deflação no Grande ABC cai em julho e alcança 0,09%

Mariana Oliveira
Do Diário do Grande ABC

05/08/2005 | 07:59


O Grande ABC registrou deflação de 0,09% no mês de julho, mas a queda nos preços teve menor intensidade do que no mês anterior, quando a taxa ficou negativa em 0,15% e apresentou o menor índice desde julho de 2003. Os dados fazem parte da pesquisa do IPC-Imes (Índice de Preços ao Consumidor medido pela Universidade Municipal de São Caetano).

Os setores responsáveis pela queda atual foram alimentação e vestuário. "Podemos destacar a antecipação das liquidações da coleção de inverno no mês de julho como responsável pela queda nos preços", afirmou o economista Lúcio Flávio Dantas, pesquisador do Inpes-Imes (Instituto de Pesquisas do Imes). Em São Paulo, o IPC-DI (Índice de Preços ao Consumidor - Disponibilidade) teve alta de 0,13% em julho ante queda de 0,05% em junho, graças ao reajuste de telefonia fixa (4,25%), de acordo com a Fundação Getúlio Vargas.

O acumulado da inflação dos sete primeiros meses do ano no Grande ABC ficou em 2,25%, e a taxa média do ano é de 0,32%. De acordo com Dantas, isso significa que, se o índice se mantivesse, a inflação regional iria encerrar o ano abaixo dos 4%, índice inferior aos 5,1% estipulado pelas autoridades monetárias para 2005.

IGP-DI - O IGP-DI (Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna), indexador usado para reajuste na tarifa de telefone, atingiu em julho a terceira deflação consecutiva e caiu 0,40%, ante queda de 0,45% em junho.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;