Fechar
Publicidade

Domingo, 1 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Diretoria assina protocolo de intenção para atuar no PR


Raphael Ramos
Do Diário do Grande ABC

02/04/2009 | 07:00


Apesar da prometida mobilização dos torcedores para a partida de hoje à noite e a tentativa da Prefeitura de levantar R$ 5 milhões junto ao Ministério do Esporte para reformar o Bruno Daniel, dificilmente o Santo André irá jogar na cidade contra São Paulo, Palmeiras, Corinthians e Santos na Série A do Brasileiro.

Ontem, o presidente da Gestão Empresarial do Ramalhão, Ronan Maria Pinto, foi a Londrina, onde vistoriou o Estádio do Café e firmou um protocolo de intenções para levar o mando desses quatro confrontos para o Paraná. As partidas só não serão transferidas para lá se a CBF não autorizar ou as reformas do Bruno Daniel forem iniciadas e concluídas até o início do Nacional, em maio.

"Não estamos pensando em levar esses jogos para Londrina em busca de receitas. O problema é que o Brunão não tem condições de receber grandes públicos", afirmou Ronan.

De acordo com o dirigente, foi garantida renda mínima de R$ 250 mil por partida, valor que o clube poderia arrecadar se jogasse em casa. "Pensamos na melhor acomodação do público", justificou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;