Fechar
Publicidade

Domingo, 15 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Wagner Moura é Hamlet

A antológica frase 'ser ou não ser, eis a questão' chega à boca de um ator que quebrou paradigmas


Natane Tamasauskas
Do Diário do Grande ABC

19/06/2008 | 07:00


A antológica frase ‘ser ou não ser, eis a questão' chega à boca de um ator que quebrou paradigmas. Depois de viver um vilão em Paraíso Tropical, da TV Globo, e um policial linha dura em um dos maiores fenômenos do cinema brasileiro, Tropa de Elite, Wagner Moura encarna o príncipe Hamlet, na clássica obra de William Shakespeare (1564-1616). A montagem estréia amanhã, no Teatro Faap, em São Paulo.

Dirigida pelo experiente Aderbal Freire-Filho, a produção chega aos palcos com uma nova roupagem. Para resgatar o espírito simples, direto e comunicativo do bardo inglês, Aderbal, Wagner e a professora Barbara Harrington se debruçaram sobre o texto original para retirar uma nova interpretação. "Eu considero uma das traduções mais fiéis já feitas", comenta o diretor sobre o resultado. "Ela não é coloquial, continua poética, só que o poético não é necessariamente rebuscado."

Recheado de momentos dramaticamente densos, a tradução do trio simplificou a forma de se falar. "O texto foi escrito para a boca dos atores. Ele pode até virar algo literário depois, mas é um texto feito para ser dito", completa Wagner Moura.

Sem coxias, apenas com uma estrutura aberta ao lado dos palcos, o espetáculo privilegia a linguagem. Em cena o tempo todo, o elenco interpreta atores que, a mando de Hamlet, encenam a morte de seu pai, o rei Hamlet. "É um jogo de teatro", define Aderbal.
Companheiros em outros espetáculos, Wagner e Aderbal reuniram-se ano passado para decidir quem faria parte da equipe. Estreante no ramo teatral, Rodrigo Amarante, ex-Los Hermanos, foi convidado para compor a trilha sonora - para satisfação de Wagner, que é, assumidamente, fã da banda.

NA TELINHA
Enquanto Wagner Moura e Aderbal Freire-Filho conversavam com a imprensa na tarde de anteontem, na Capital, Sandra Delgado, mulher do protagonista, registrava cada movimento. A coletiva também fará parte do documentário Além Hamlet, que revelará os bastidores de todo processo de criação e montagem da peça.

A fotógrafa Sandra acompanha os ensaios de Hamlet desde a primeira leitura do texto, em fevereiro deste ano. "A única condição que o Aderbal impôs foi que eu estivesse presente durante todas as etapas", explica a diretora do filme. "Tornei-me uma espécie de olho do grupo". O canal de TV paga Multishow exibirá Além Hamlet no dia 4 de julho, às 22h45.

Hamlet. Teatro. Teatro. Sextas-feiras e sábados, às 20h; domingos, às 18h. No Teatro Faap - r. Alagoas, 903. Tel.: 3662-7233. Ingr.: R$ 40 (meia-entrada) e R$ 80. Até 28 de setembro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Wagner Moura é Hamlet

A antológica frase 'ser ou não ser, eis a questão' chega à boca de um ator que quebrou paradigmas

Natane Tamasauskas
Do Diário do Grande ABC

19/06/2008 | 07:00


A antológica frase ‘ser ou não ser, eis a questão' chega à boca de um ator que quebrou paradigmas. Depois de viver um vilão em Paraíso Tropical, da TV Globo, e um policial linha dura em um dos maiores fenômenos do cinema brasileiro, Tropa de Elite, Wagner Moura encarna o príncipe Hamlet, na clássica obra de William Shakespeare (1564-1616). A montagem estréia amanhã, no Teatro Faap, em São Paulo.

Dirigida pelo experiente Aderbal Freire-Filho, a produção chega aos palcos com uma nova roupagem. Para resgatar o espírito simples, direto e comunicativo do bardo inglês, Aderbal, Wagner e a professora Barbara Harrington se debruçaram sobre o texto original para retirar uma nova interpretação. "Eu considero uma das traduções mais fiéis já feitas", comenta o diretor sobre o resultado. "Ela não é coloquial, continua poética, só que o poético não é necessariamente rebuscado."

Recheado de momentos dramaticamente densos, a tradução do trio simplificou a forma de se falar. "O texto foi escrito para a boca dos atores. Ele pode até virar algo literário depois, mas é um texto feito para ser dito", completa Wagner Moura.

Sem coxias, apenas com uma estrutura aberta ao lado dos palcos, o espetáculo privilegia a linguagem. Em cena o tempo todo, o elenco interpreta atores que, a mando de Hamlet, encenam a morte de seu pai, o rei Hamlet. "É um jogo de teatro", define Aderbal.
Companheiros em outros espetáculos, Wagner e Aderbal reuniram-se ano passado para decidir quem faria parte da equipe. Estreante no ramo teatral, Rodrigo Amarante, ex-Los Hermanos, foi convidado para compor a trilha sonora - para satisfação de Wagner, que é, assumidamente, fã da banda.

NA TELINHA
Enquanto Wagner Moura e Aderbal Freire-Filho conversavam com a imprensa na tarde de anteontem, na Capital, Sandra Delgado, mulher do protagonista, registrava cada movimento. A coletiva também fará parte do documentário Além Hamlet, que revelará os bastidores de todo processo de criação e montagem da peça.

A fotógrafa Sandra acompanha os ensaios de Hamlet desde a primeira leitura do texto, em fevereiro deste ano. "A única condição que o Aderbal impôs foi que eu estivesse presente durante todas as etapas", explica a diretora do filme. "Tornei-me uma espécie de olho do grupo". O canal de TV paga Multishow exibirá Além Hamlet no dia 4 de julho, às 22h45.

Hamlet. Teatro. Teatro. Sextas-feiras e sábados, às 20h; domingos, às 18h. No Teatro Faap - r. Alagoas, 903. Tel.: 3662-7233. Ingr.: R$ 40 (meia-entrada) e R$ 80. Até 28 de setembro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;