Fechar
Publicidade

Domingo, 7 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Canadá busca apoio para acordo comercial com América Central


Das Agências

10/01/2001 | 00:24


O governo do Canadá revelou nesta terça-feira sua intenção de conseguir a adesão da população canadense num acordo de livre comércio com El Salvador, Guatemala, Honduras e Nicarágua.

O Canadá começará negociações oficiais com a América Central no final de fevereiro, enquanto que a cúpula de 34 nações das Américas está programada para abril em Québec.

"Consultar os canadenses é uma parte importante no desenvolvimento da política comercial do Canadá", disse o ministro do Comércio Exterior, Pierre Pettigrew.

O primeiro-ministro Jean Chrétien e os presidentes dos quatro países da América Central concordaram em buscar um acordo de livre comércio em setembro.

"As negociações levam em consideração os interesses vitais canadenses, como trabalho e questões ambientais", disse num comunicado, rebatendo as críticas.

Os militantes contrários ao acordo já estão planejando manifestações para a cúpula de abril.

No comunicado divulgado, o governo canadense disse ainda que qualquer comentário poderá ser feito por carta ou pelo site do Departamento de Relações Exteriores e Comércio Exterior.

O comunicado explicou ainda que os canadenses também foram consultados sobre as negociações em matéria de serviços que adianta a Organização Mundial do Comércio, sobre a Área de Livre Comércio das Américas (Alca) e sobre iniciativas bilaterais com a Costa Rica e os diálogos com Cingapura.

O Canadá exportou US$ 142 milhões para El Salvador, Guatemala, Honduras e Nicarágua em 1999 e importou bens por US$ 168 milhões destes quatro países.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Canadá busca apoio para acordo comercial com América Central

Das Agências

10/01/2001 | 00:24


O governo do Canadá revelou nesta terça-feira sua intenção de conseguir a adesão da população canadense num acordo de livre comércio com El Salvador, Guatemala, Honduras e Nicarágua.

O Canadá começará negociações oficiais com a América Central no final de fevereiro, enquanto que a cúpula de 34 nações das Américas está programada para abril em Québec.

"Consultar os canadenses é uma parte importante no desenvolvimento da política comercial do Canadá", disse o ministro do Comércio Exterior, Pierre Pettigrew.

O primeiro-ministro Jean Chrétien e os presidentes dos quatro países da América Central concordaram em buscar um acordo de livre comércio em setembro.

"As negociações levam em consideração os interesses vitais canadenses, como trabalho e questões ambientais", disse num comunicado, rebatendo as críticas.

Os militantes contrários ao acordo já estão planejando manifestações para a cúpula de abril.

No comunicado divulgado, o governo canadense disse ainda que qualquer comentário poderá ser feito por carta ou pelo site do Departamento de Relações Exteriores e Comércio Exterior.

O comunicado explicou ainda que os canadenses também foram consultados sobre as negociações em matéria de serviços que adianta a Organização Mundial do Comércio, sobre a Área de Livre Comércio das Américas (Alca) e sobre iniciativas bilaterais com a Costa Rica e os diálogos com Cingapura.

O Canadá exportou US$ 142 milhões para El Salvador, Guatemala, Honduras e Nicarágua em 1999 e importou bens por US$ 168 milhões destes quatro países.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;