Fechar
Publicidade

Sábado, 25 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Protesto pára agências da Nossa Caixa no ABC


Frederico Rebello Nehme
Do Diário do Grande ABC

23/07/2005 | 10:15


O atendimento de 11 das 12 agências da Nossa Caixa no Grande ABC foi paralisado nesta quinta-feira em ação promovida pelo Sindicato dos Bancários do ABC (filiado à CUT). Fou um protesto contra o aumento do valor da contribuição previdenciária e do plano de saúde dos funcionários do banco. O ato afetou todas as cidades da região, com exceção de Rio Grande da Serra, que não possui agências do banco.

A Nossa Caixa não informou quantas pessoas deixaram de ser atendidas. Nesta sexta-feira, o funcionamento das agências foi normal. Em nota, o banco afirmou que está "reformulando a política de gestão de pessoas para adequar às melhores práticas de mercado", e que está aberto à negociação com os trabalhadores. Existem cerca de 400 funcionários da Nossa Caixa no Grande ABC.

O sindicato alega que a mudança na contribuição dos funcionários não foi discutida e pede o início do diálogo sobre o assunto. Os sindicalistas afirmam que a contribuição previdenciária subiu de 11% para 27,2% e que os planos de saúde tiveram aumentos que podem chegar a 400%. A Nossa Caixa não comentou o assunto.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Protesto pára agências da Nossa Caixa no ABC

Frederico Rebello Nehme
Do Diário do Grande ABC

23/07/2005 | 10:15


O atendimento de 11 das 12 agências da Nossa Caixa no Grande ABC foi paralisado nesta quinta-feira em ação promovida pelo Sindicato dos Bancários do ABC (filiado à CUT). Fou um protesto contra o aumento do valor da contribuição previdenciária e do plano de saúde dos funcionários do banco. O ato afetou todas as cidades da região, com exceção de Rio Grande da Serra, que não possui agências do banco.

A Nossa Caixa não informou quantas pessoas deixaram de ser atendidas. Nesta sexta-feira, o funcionamento das agências foi normal. Em nota, o banco afirmou que está "reformulando a política de gestão de pessoas para adequar às melhores práticas de mercado", e que está aberto à negociação com os trabalhadores. Existem cerca de 400 funcionários da Nossa Caixa no Grande ABC.

O sindicato alega que a mudança na contribuição dos funcionários não foi discutida e pede o início do diálogo sobre o assunto. Os sindicalistas afirmam que a contribuição previdenciária subiu de 11% para 27,2% e que os planos de saúde tiveram aumentos que podem chegar a 400%. A Nossa Caixa não comentou o assunto.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;