Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Desemprego na Grande São Paulo fica em 17,5% em maio


Do Diário OnLine

22/06/2005 | 11:20


A taxa de desemprego na região metropolitana de São Paulo ficou em 17,5% da PEA (População Economicamente Ativa) em maio, mesmo percentual verificado em abril, segundo pesquisa divulgada nesta quarta-feira pela Fundação Seade/Dieese. O contingente de desempregados foi estimado em 1,761 milhão de pessoas.

O número de desocupados aumentou em 8 mil pessoas, uma vez que a criação de 35 mil postos de trabalho foi insuficiente para absorver as pessoas que entraram no mercado de trabalho (43 mil). Essas 8 mil pessoas, porém, não alteraram a taxa global de desemprego.

Já na comparação com maio do ano passado, a taxa de desemprego teve uma expressiva queda, passando de 19,7% para 17,5%, o que representou a saída de 199 mil pessoas do contingente de desocupados.

Ocupação – Em maio, o nível de ocupação registrou alta de 0,4%, resultado favorecido pela abertura de 40 mil vagas na Indústria (+2,5%) e de 19 mil no setor de Serviços (0,4%). Por outro lado, Comércio teve descréscimo de 11 mil ocupações (-0,8%) e Outros Setores anotou redução de 13 mil vagas (-1,3%).

O número de pessoas ocupadas foi estimado em 8,3 milhões.

Rendimentos – Entre março e abril, os rendimentos médios reais dos ocupados e assalariados permaneceram praticamente estáveis (0,1% e 0,2%), passando a valer, respectivamente, R$ 1.024 e R$ 1.096. Comparados a abril de 2004, esses rendimentos também apresentaram relativa estabilidade (0,4% e -0,4%).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Desemprego na Grande São Paulo fica em 17,5% em maio

Do Diário OnLine

22/06/2005 | 11:20


A taxa de desemprego na região metropolitana de São Paulo ficou em 17,5% da PEA (População Economicamente Ativa) em maio, mesmo percentual verificado em abril, segundo pesquisa divulgada nesta quarta-feira pela Fundação Seade/Dieese. O contingente de desempregados foi estimado em 1,761 milhão de pessoas.

O número de desocupados aumentou em 8 mil pessoas, uma vez que a criação de 35 mil postos de trabalho foi insuficiente para absorver as pessoas que entraram no mercado de trabalho (43 mil). Essas 8 mil pessoas, porém, não alteraram a taxa global de desemprego.

Já na comparação com maio do ano passado, a taxa de desemprego teve uma expressiva queda, passando de 19,7% para 17,5%, o que representou a saída de 199 mil pessoas do contingente de desocupados.

Ocupação – Em maio, o nível de ocupação registrou alta de 0,4%, resultado favorecido pela abertura de 40 mil vagas na Indústria (+2,5%) e de 19 mil no setor de Serviços (0,4%). Por outro lado, Comércio teve descréscimo de 11 mil ocupações (-0,8%) e Outros Setores anotou redução de 13 mil vagas (-1,3%).

O número de pessoas ocupadas foi estimado em 8,3 milhões.

Rendimentos – Entre março e abril, os rendimentos médios reais dos ocupados e assalariados permaneceram praticamente estáveis (0,1% e 0,2%), passando a valer, respectivamente, R$ 1.024 e R$ 1.096. Comparados a abril de 2004, esses rendimentos também apresentaram relativa estabilidade (0,4% e -0,4%).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;