Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 3 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Prefeitura entrega sétima UPA, no bairro Rudge Ramos


Maíra Sanches
Do Díário do Grande ABC

01/06/2012 | 07:00


Os moradores do bairro Rudge Ramos, em São Bernardo, já podem contar com a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro. O equipamento foi entregue ontem à noite pelo prefeito Luiz Marinho (PT) e o secretário de Saúde, Arthur Chioro. A unidade atenderá casos urgentes de pequena e média complexidade. Serão beneficiados também os moradores da Vila Dayse, Planalto e Vila Mussolini.

 

Assim, São Bernardo passa a ter sete unidades. A do Rudge Ramos agora é a maior da rede, com 1.517 metros quadrados, e a única feita de alvenaria.

 

O antigo pronto-socorro do bairro, antes localizado na Rua Brasil, será desativado às 7h de hoje. A substituição coloca fim aos atendimentos realizados em estrutura reduzida. Por lá também funcionavam os prontos-socorros odontológico e oftalmológico – referência para toda a cidade. Os dois serviços foram transferidos para o Pronto-Socorro Central, em área revitalizada.

 

A UPA corresponde ao tipo 2 e poderá atender até 300 pacientes por dia. A estrutura dispõe de 12 leitos de observação, para internação de curta permanência, e sala de UTI para estabilização de pacientes em estado grave. O secretário de Saúde informou que a unidade contará com quatro médicos (dois clínicos gerais e dois pediatras) durante o dia e três durante a noite, quando a demanda é menor. “Podemos dizer que o Rudge Ramos possui hoje o sistema de saúde de uma cidade: com UBS, HMU (Hospital Municipal Universitário), UPA, Farmácia Popular e Caps (Centro de Atenção Psicossocial)”, observou Chioro. O investimento na UPA foi de R$ 3,5 milhões, sendo R$ 2 milhões repassados pelo governo federal.

 

Para completar a rede de urgência, serão entregues as UPAs Assunção/Alves Dias e Silvina/Ferrazópolis nos dias 3 e 5 de julho, respectivamente.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Prefeitura entrega sétima UPA, no bairro Rudge Ramos

Maíra Sanches
Do Díário do Grande ABC

01/06/2012 | 07:00


Os moradores do bairro Rudge Ramos, em São Bernardo, já podem contar com a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro. O equipamento foi entregue ontem à noite pelo prefeito Luiz Marinho (PT) e o secretário de Saúde, Arthur Chioro. A unidade atenderá casos urgentes de pequena e média complexidade. Serão beneficiados também os moradores da Vila Dayse, Planalto e Vila Mussolini.

 

Assim, São Bernardo passa a ter sete unidades. A do Rudge Ramos agora é a maior da rede, com 1.517 metros quadrados, e a única feita de alvenaria.

 

O antigo pronto-socorro do bairro, antes localizado na Rua Brasil, será desativado às 7h de hoje. A substituição coloca fim aos atendimentos realizados em estrutura reduzida. Por lá também funcionavam os prontos-socorros odontológico e oftalmológico – referência para toda a cidade. Os dois serviços foram transferidos para o Pronto-Socorro Central, em área revitalizada.

 

A UPA corresponde ao tipo 2 e poderá atender até 300 pacientes por dia. A estrutura dispõe de 12 leitos de observação, para internação de curta permanência, e sala de UTI para estabilização de pacientes em estado grave. O secretário de Saúde informou que a unidade contará com quatro médicos (dois clínicos gerais e dois pediatras) durante o dia e três durante a noite, quando a demanda é menor. “Podemos dizer que o Rudge Ramos possui hoje o sistema de saúde de uma cidade: com UBS, HMU (Hospital Municipal Universitário), UPA, Farmácia Popular e Caps (Centro de Atenção Psicossocial)”, observou Chioro. O investimento na UPA foi de R$ 3,5 milhões, sendo R$ 2 milhões repassados pelo governo federal.

 

Para completar a rede de urgência, serão entregues as UPAs Assunção/Alves Dias e Silvina/Ferrazópolis nos dias 3 e 5 de julho, respectivamente.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;