Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 14 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Santos ‘desconcentrado’ pega o Galo



22/05/2005 | 10:47


Nenhum jogador do Santos nega que a partida mais importante é a de quarta-feira, contra a Universidad de Chile, pela Libertadores. Mas o técnico Gallo quer seus jogadores com o pensamento apenas para a partida desta tarde contra o Atlético Mineiro, às 16h (Globo), na Vila Belmiro, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. “Precisamos nos desligar da Libertadores e só pensar no Atlético. Vai ser um jogo bem difícil”, disse o treinador.

Apesar dos conselhos do técnico, vai ser complicado os jogadores esquecerem a derrota para a Universidad, por 2 a 1, quinta-feira. “É lógico que o jogo mais importante é o da Libertadores. Não dá para pensar só no Atlético, mas é preciso”, afirmou o lateral-esquerdo Léo, que também está com o pensamento voltado para a Seleção Brasileira – foi convocado por Parreira para a Copa das Confederações, juntamente com Robinho e Ricardinho.

Para esta partida, Gallo faz mistérios sobre a escalação. Afirma que não vai colocar o time titular em campo, mas não diz quem sai. O goleiro Henao se contundiu e não enfrenta o Atlético. “Acho bem difícil eu jogar. Melhor eu me preparar para quarta”, declarou o goleiro, que sofreu uma lesão no dedo da mão direita. Mauro deve entrar no seu lugar. O lateral-direito Paulo César, que saiu no segundo tempo do jogo em Assunção, também é dúvida. Mas se depender dele, vai ao jogo.

Crise – O Atlético-MG tenta conter o abatimento pela desclassificação na Copa do Brasil em busca de uma vitória contra o Santos. O técnico Tite relacionou o mesmo grupo de jogadores da derrota por 2 a 0 para o Ceará, em Fortaleza, na última quarta-feira. O treinador espera que os atletas tenham absorvido a eliminação – considerada prematura pelos dirigentes e muito criticada pela torcida e imprensa mineira – e iniciem uma reabilitação no Brasileirão. O time mineiro vem de duas derrotas consecutivas – para Brasiliense, em casa, e Botafogo, no Rio. Em quatro jogos, o time mineiro soma quatro pontos “O Ceará é passado, projetamos a recuperação no Brasileiro. Eles (jogadores) têm consciência disso. É um grupo que não se esconde da responsabilidade e, mesmo errando, busca o resultado até o fim”, confia Tite.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Santos ‘desconcentrado’ pega o Galo


22/05/2005 | 10:47


Nenhum jogador do Santos nega que a partida mais importante é a de quarta-feira, contra a Universidad de Chile, pela Libertadores. Mas o técnico Gallo quer seus jogadores com o pensamento apenas para a partida desta tarde contra o Atlético Mineiro, às 16h (Globo), na Vila Belmiro, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. “Precisamos nos desligar da Libertadores e só pensar no Atlético. Vai ser um jogo bem difícil”, disse o treinador.

Apesar dos conselhos do técnico, vai ser complicado os jogadores esquecerem a derrota para a Universidad, por 2 a 1, quinta-feira. “É lógico que o jogo mais importante é o da Libertadores. Não dá para pensar só no Atlético, mas é preciso”, afirmou o lateral-esquerdo Léo, que também está com o pensamento voltado para a Seleção Brasileira – foi convocado por Parreira para a Copa das Confederações, juntamente com Robinho e Ricardinho.

Para esta partida, Gallo faz mistérios sobre a escalação. Afirma que não vai colocar o time titular em campo, mas não diz quem sai. O goleiro Henao se contundiu e não enfrenta o Atlético. “Acho bem difícil eu jogar. Melhor eu me preparar para quarta”, declarou o goleiro, que sofreu uma lesão no dedo da mão direita. Mauro deve entrar no seu lugar. O lateral-direito Paulo César, que saiu no segundo tempo do jogo em Assunção, também é dúvida. Mas se depender dele, vai ao jogo.

Crise – O Atlético-MG tenta conter o abatimento pela desclassificação na Copa do Brasil em busca de uma vitória contra o Santos. O técnico Tite relacionou o mesmo grupo de jogadores da derrota por 2 a 0 para o Ceará, em Fortaleza, na última quarta-feira. O treinador espera que os atletas tenham absorvido a eliminação – considerada prematura pelos dirigentes e muito criticada pela torcida e imprensa mineira – e iniciem uma reabilitação no Brasileirão. O time mineiro vem de duas derrotas consecutivas – para Brasiliense, em casa, e Botafogo, no Rio. Em quatro jogos, o time mineiro soma quatro pontos “O Ceará é passado, projetamos a recuperação no Brasileiro. Eles (jogadores) têm consciência disso. É um grupo que não se esconde da responsabilidade e, mesmo errando, busca o resultado até o fim”, confia Tite.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;