Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Bernardo prevê oferta de 600 óculos a crianças da rede municipal neste ano

DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Estudantes passarão por testes de visão; meta é reduzir índices de repetência e evasão escolar


Natália Fernandjes
Do Diário do Grande ABC

05/01/2020 | 07:00


A Prefeitura de São Bernardo iniciou processo licitatório para a contratação de empresa responsável pelos serviços de confecção e fornecimento de óculos a estudantes da rede municipal. A meta da administração é investir R$ 112,4 mil no contrato – válido por um ano – e beneficiar pelo menos 600 alunos com o objeto corretivo.

A contratação integra projeto articulado entre as secretarias de Saúde e Educação para assegurar às crianças matriculadas na pré-escola (com 4 e 5 anos), primeiro ciclo do ensino fundamental (6 a 10 anos), bem como aos alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos), o fornecimento de óculos para os casos em que forem detectadas patologias no quesito saúde ocular.

Uma das metas da gestão Orlando Morando (PSDB) é a redução das taxas de repetência e evasão escolares, além de facilitar o acesso da população à consulta oftalmológica e à utilização de óculos corretivos. Conforme disse a Prefeitura da cidade, “é imprescindível atuar de modo profilático, buscando detectar precocemente algum distúrbio de visão”. 

O programa municipal prevê a realização de testes de acuidade visual nas unidades escolares. Os alunos que apresentarem problemas de visão, serão encaminhados ao departamento de atenção especializada para consulta oftalmológica, que tem por objetivo identificar e corrigir problemas visuais relacionados à refração e garantir assistência.

Somente no ano passado, o Programa Saúde na Escola identificou alterações suspeitas na visão de 819 crianças da rede municipal, após o exame inicial. Um beneficiados pelo projeto foi Gustavo Lima Silva, 11 anos, aluno da Emeb (Escola Municipal de Educação Básica) Professora Janete Mally Betti Simões, no Baeta Neves. O menino, que se queixava de dores de cabeça e precisava mudar de lugar para copiar as atividades da lousa na escola, ganhou qualidade de vida, garante a mãe, a assistente de RH Edna Josefa de Lima Silva, 40.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

São Bernardo prevê oferta de 600 óculos a crianças da rede municipal neste ano

Estudantes passarão por testes de visão; meta é reduzir índices de repetência e evasão escolar

Natália Fernandjes
Do Diário do Grande ABC

05/01/2020 | 07:00


A Prefeitura de São Bernardo iniciou processo licitatório para a contratação de empresa responsável pelos serviços de confecção e fornecimento de óculos a estudantes da rede municipal. A meta da administração é investir R$ 112,4 mil no contrato – válido por um ano – e beneficiar pelo menos 600 alunos com o objeto corretivo.

A contratação integra projeto articulado entre as secretarias de Saúde e Educação para assegurar às crianças matriculadas na pré-escola (com 4 e 5 anos), primeiro ciclo do ensino fundamental (6 a 10 anos), bem como aos alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos), o fornecimento de óculos para os casos em que forem detectadas patologias no quesito saúde ocular.

Uma das metas da gestão Orlando Morando (PSDB) é a redução das taxas de repetência e evasão escolares, além de facilitar o acesso da população à consulta oftalmológica e à utilização de óculos corretivos. Conforme disse a Prefeitura da cidade, “é imprescindível atuar de modo profilático, buscando detectar precocemente algum distúrbio de visão”. 

O programa municipal prevê a realização de testes de acuidade visual nas unidades escolares. Os alunos que apresentarem problemas de visão, serão encaminhados ao departamento de atenção especializada para consulta oftalmológica, que tem por objetivo identificar e corrigir problemas visuais relacionados à refração e garantir assistência.

Somente no ano passado, o Programa Saúde na Escola identificou alterações suspeitas na visão de 819 crianças da rede municipal, após o exame inicial. Um beneficiados pelo projeto foi Gustavo Lima Silva, 11 anos, aluno da Emeb (Escola Municipal de Educação Básica) Professora Janete Mally Betti Simões, no Baeta Neves. O menino, que se queixava de dores de cabeça e precisava mudar de lugar para copiar as atividades da lousa na escola, ganhou qualidade de vida, garante a mãe, a assistente de RH Edna Josefa de Lima Silva, 40.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;