Fechar
Publicidade

Domingo, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Bolsonaro diz que quer "começar bem o ano", sem falar com a imprensa

Antonio Cruz/ABr/Fotos Públicas Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


01/01/2020 | 12:14


O presidente Jair Bolsonaro declarou nesta manhã do primeiro dia do ano que deseja "começar bem" 2020, sem falar com a imprensa. O chefe do Executivo não parou para falar com jornalistas quando saiu do Palácio da Alvorada para cumprimentar o público, e quando foi chamado pela imprensa respondeu: "Eu quero começar bem o ano".

Usando uma camiseta do Futebol Clube Cascavel de número 17, Bolsonaro saiu para cumprimentar brevemente o público em frente à residência presidencial. Não há previsão de agenda oficial de Bolsonaro para os próximos dias.

Bolsonaro passou a virada para 2020 no Palácio da Alvorada acompanhado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e da filha do casal, Laura, de 9 anos. Pelas redes sociais, o chefe do Executivo desejou "que o Brasil possa continuar seguindo o caminho da prosperidade e que este seja um ano tão vitorioso para o povo brasileiro quanto foi 2019".

Em outra publicação na internet, acompanhada de um vídeo com imagens do presidente ao longo do ano, Bolsonaro escreveu: "Pode até demorar, mas com o povo venceremos a todos os obstáculos".

A princípio, o presidente passaria o réveillon em Salvador (BA), na Base Naval de Aratu, onde desembarcou no dia 27 de dezembro acompanhado da filha, mas antecipou o retorno para terça-feira, 31. A primeira-dama não o acompanhou na viagem, pois segundo o presidente, passaria por uma cirurgia. O Planalto não esclareceu o motivo da volta antecipada.

Após seu retorno para a capital federal, na manhã de terça, 31, o presidente assinou medida provisória (MP) para reajustar o salário mínimo de R$ 998 para R$ 1.039. O Orçamento de 2020, aprovado no último dia 17 pelo Congresso Nacional, previa o valor de R$ 1.031.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bolsonaro diz que quer "começar bem o ano", sem falar com a imprensa


01/01/2020 | 12:14


O presidente Jair Bolsonaro declarou nesta manhã do primeiro dia do ano que deseja "começar bem" 2020, sem falar com a imprensa. O chefe do Executivo não parou para falar com jornalistas quando saiu do Palácio da Alvorada para cumprimentar o público, e quando foi chamado pela imprensa respondeu: "Eu quero começar bem o ano".

Usando uma camiseta do Futebol Clube Cascavel de número 17, Bolsonaro saiu para cumprimentar brevemente o público em frente à residência presidencial. Não há previsão de agenda oficial de Bolsonaro para os próximos dias.

Bolsonaro passou a virada para 2020 no Palácio da Alvorada acompanhado da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, e da filha do casal, Laura, de 9 anos. Pelas redes sociais, o chefe do Executivo desejou "que o Brasil possa continuar seguindo o caminho da prosperidade e que este seja um ano tão vitorioso para o povo brasileiro quanto foi 2019".

Em outra publicação na internet, acompanhada de um vídeo com imagens do presidente ao longo do ano, Bolsonaro escreveu: "Pode até demorar, mas com o povo venceremos a todos os obstáculos".

A princípio, o presidente passaria o réveillon em Salvador (BA), na Base Naval de Aratu, onde desembarcou no dia 27 de dezembro acompanhado da filha, mas antecipou o retorno para terça-feira, 31. A primeira-dama não o acompanhou na viagem, pois segundo o presidente, passaria por uma cirurgia. O Planalto não esclareceu o motivo da volta antecipada.

Após seu retorno para a capital federal, na manhã de terça, 31, o presidente assinou medida provisória (MP) para reajustar o salário mínimo de R$ 998 para R$ 1.039. O Orçamento de 2020, aprovado no último dia 17 pelo Congresso Nacional, previa o valor de R$ 1.031.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;