Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Reforços esquentam disputa no São Caetano


Raphael Ramos
Do Diário do Grande ABC

25/04/2005 | 12:59


A chegada de novos reforços no São Caetano deve esquentar a disputa por uma vaga no setor ofensivo da equipe. Para esta tarde, está prevista a apresentação de Marcelinho, ex-Grêmio, e na quarta-feira, Dimba, ex-Flamengo, se integra ao grupo. O técnico Estevam Soares também espera o anúncio de uma nova contratação ainda nesta segunda-feira ou até terça-feira, enquanto os demais atletas negociados para a disputa do Campeonato Brasileiro buscam a melhor forma física para ficarem à diposição do treinador.

Além de Márcio Mixirica e Fábio Pinto, que formaram a dupla de atacantes no empate em 2 a 2 com o Palmeiras no último sábado, no estádio Anacleto Campanella, Estevam espera a volta de Luís Cláudio, que se recupera de contusão, e conta com Anaílson e Edu Salles como opções no banco de reservas. “Ainda temos o Neto Mineiro, que é uma grande revelação”, disse.

No entanto, Estevam já escolheu seu novo xodó: o meia Élton. O jogador de 19 anos, contratado junto ao Iraty do Paraná, é a grande aposta do treinador. “Ele é alto, muito habilidoso e vai ser a grande sensação do Campeonato Brasileiro. Muitas equipes tentaram contratá-lo, mas felizmente ele acertou conosco”, disse.

Élton chegou ao São Caetano no início da semana passada e só não ficou no banco de reservas diante do Palmeiras porque a diretoria do Azulão não conseguiu regularizar sua documentação devido ao feriado de Tiradentes (21 de abril), quando a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) entrou em recesso administrativo.

Alerta – O anúncio dos novos reforços também serviu para colocar os jogadores do atual elenco em sinal de alerta. O atacante Fábio Pinto, por exemplo, fez apenas duas partidas como titular, marcou dois gols e, mesmo sendo um dos principais destaques da equipe no empate com o Palmeiras, corre o risco de voltar para a reserva no confronto de sábado contra o Goiás, no estádio

Serra Dourada, em Goiânia. O atacante, inclusive, pode perder a vaga para Marcelinho, seu ex companheiro de Grêmio, que chega com o status de grande revelação do futebol gaúcho dos últimos anos.

Mesmo no paredão, o atleta mantém o discurso diplomático. “O Campeonato Brasileiro é muito longo e uma equipe como o São Caetano, que briga pelo título e uma vaga na Copa Libertadores, tem de ter um elenco forte, com várias opções para o treinador poder fazer a melhor escolha. Por isso, todos esses reforços são importantes”, disse.

A chegada de diversos atletas para o setor ofensivo coincide com a iminente saída do meia Marcinho, principal atleta da equipe. O jogador, que defenderá a Seleção Brasileira no amistoso de quarta-feira contra a Guatemala, no Pacaembu, disse semana passada que não pretende deixar a equipe do Grande ABC. Mesmo assim, ainda é alvo de cobiça de diversas equipes do país e do exterior.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Reforços esquentam disputa no São Caetano

Raphael Ramos
Do Diário do Grande ABC

25/04/2005 | 12:59


A chegada de novos reforços no São Caetano deve esquentar a disputa por uma vaga no setor ofensivo da equipe. Para esta tarde, está prevista a apresentação de Marcelinho, ex-Grêmio, e na quarta-feira, Dimba, ex-Flamengo, se integra ao grupo. O técnico Estevam Soares também espera o anúncio de uma nova contratação ainda nesta segunda-feira ou até terça-feira, enquanto os demais atletas negociados para a disputa do Campeonato Brasileiro buscam a melhor forma física para ficarem à diposição do treinador.

Além de Márcio Mixirica e Fábio Pinto, que formaram a dupla de atacantes no empate em 2 a 2 com o Palmeiras no último sábado, no estádio Anacleto Campanella, Estevam espera a volta de Luís Cláudio, que se recupera de contusão, e conta com Anaílson e Edu Salles como opções no banco de reservas. “Ainda temos o Neto Mineiro, que é uma grande revelação”, disse.

No entanto, Estevam já escolheu seu novo xodó: o meia Élton. O jogador de 19 anos, contratado junto ao Iraty do Paraná, é a grande aposta do treinador. “Ele é alto, muito habilidoso e vai ser a grande sensação do Campeonato Brasileiro. Muitas equipes tentaram contratá-lo, mas felizmente ele acertou conosco”, disse.

Élton chegou ao São Caetano no início da semana passada e só não ficou no banco de reservas diante do Palmeiras porque a diretoria do Azulão não conseguiu regularizar sua documentação devido ao feriado de Tiradentes (21 de abril), quando a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) entrou em recesso administrativo.

Alerta – O anúncio dos novos reforços também serviu para colocar os jogadores do atual elenco em sinal de alerta. O atacante Fábio Pinto, por exemplo, fez apenas duas partidas como titular, marcou dois gols e, mesmo sendo um dos principais destaques da equipe no empate com o Palmeiras, corre o risco de voltar para a reserva no confronto de sábado contra o Goiás, no estádio

Serra Dourada, em Goiânia. O atacante, inclusive, pode perder a vaga para Marcelinho, seu ex companheiro de Grêmio, que chega com o status de grande revelação do futebol gaúcho dos últimos anos.

Mesmo no paredão, o atleta mantém o discurso diplomático. “O Campeonato Brasileiro é muito longo e uma equipe como o São Caetano, que briga pelo título e uma vaga na Copa Libertadores, tem de ter um elenco forte, com várias opções para o treinador poder fazer a melhor escolha. Por isso, todos esses reforços são importantes”, disse.

A chegada de diversos atletas para o setor ofensivo coincide com a iminente saída do meia Marcinho, principal atleta da equipe. O jogador, que defenderá a Seleção Brasileira no amistoso de quarta-feira contra a Guatemala, no Pacaembu, disse semana passada que não pretende deixar a equipe do Grande ABC. Mesmo assim, ainda é alvo de cobiça de diversas equipes do país e do exterior.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;