Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Campeao de xadrez faz simultânea no Sesc


Analy Cristofani
Especial para o Diário

28/06/2000 | 00:23


  O campeao brasileiro de xadrez, Giovanni Vescovi, vai estar nesta quarta, a partir das 19h, no Sesc Sao Caetano (rua Piauí, 612). A idéia é divulgar o esporte e fazer com que as crianças passem a jogar na escola ou no clube, assim como acontece com o futebol.

"Vou estar lá para brincar com o pessoal, falar da minha carreira, planos e contar algumas histórias", disse o campeao, que promete nao facilitar para os desafiantes. "Nao deixo ninguém ganhar. Nao sou tao bonzinho assim", brinca.

Aos 22 anos, Vescovi joga xadrez desde os quatro. As competiçoes surgiram com oito anos. "É uma idade boa para começar. O xadrez é como matemática ou física. Ele te dá noçao de espaço, aumenta a percepçao para encarar as coisas e passa a dar visao do futuro, nao só do que está acontecendo agora. Isso porque você precisa prever as próximas jogadas. Vale para a vida inteira, em todas as situaçoes", explica o jovem campeao.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Campeao de xadrez faz simultânea no Sesc

Analy Cristofani
Especial para o Diário

28/06/2000 | 00:23


  O campeao brasileiro de xadrez, Giovanni Vescovi, vai estar nesta quarta, a partir das 19h, no Sesc Sao Caetano (rua Piauí, 612). A idéia é divulgar o esporte e fazer com que as crianças passem a jogar na escola ou no clube, assim como acontece com o futebol.

"Vou estar lá para brincar com o pessoal, falar da minha carreira, planos e contar algumas histórias", disse o campeao, que promete nao facilitar para os desafiantes. "Nao deixo ninguém ganhar. Nao sou tao bonzinho assim", brinca.

Aos 22 anos, Vescovi joga xadrez desde os quatro. As competiçoes surgiram com oito anos. "É uma idade boa para começar. O xadrez é como matemática ou física. Ele te dá noçao de espaço, aumenta a percepçao para encarar as coisas e passa a dar visao do futuro, nao só do que está acontecendo agora. Isso porque você precisa prever as próximas jogadas. Vale para a vida inteira, em todas as situaçoes", explica o jovem campeao.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;