Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 2 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Telecomunicação faz aporte de R$ 5 bi no 1º semestre



19/08/2010 | 07:06


As empresas de telecomunicações investiram no Brasil R$ 5,1 bilhões no primeiro semestre. Os dados foram divulgados ontem pela Telebrasil (Associação Brasileira de Telecomunicações). Segundo a entidade, os recursos foram aplicados, sobretudo, na expansão, modernização e melhoria da qualidade dos serviços. Desde 1998, ano da privatização do setor no Brasil, os investimentos totais no País somam R$ 182,1 bilhões, de acordo com a Telebrasil.

Nos primeiros seis meses do ano, o número de clientes de telefonia fixa, celular, banda larga e TV por assinatura alcançaram a marca de 247,4 milhões, com o incremento de 13 milhões de consumidores que entraram no mercado. Esses dados indicam crescimento de 5,5% sobre a base de usuários registrada em dezembro e de 13,1% sobre os 218,8 milhões de clientes registrados em junho do ano passado.

A telefonia móvel continua sendo o destaque. No acumulado do ano, 11,1 milhões de celulares foram habilitados, chegando a um total de 185,1 milhões de clientes. Segundo a Telebrasil, o segmento de TV por assinatura mantém a tendência de alta registrada após a entrada das concessionárias de telefonia fixa neste mercado, com crescimento de 12% no período em relação ao fim de 2009.

O total dos clientes desses serviços passou de 7,5 milhões, em dezembro, para 8,4 milhões no fim de junho deste ano. A telefonia fixa, segundo a entidade, fechou o primeiro semestre com 41,6 milhões de clientes. A banda larga, por sua vez, encerrou o semestre com 18,4 milhões de acessos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Telecomunicação faz aporte de R$ 5 bi no 1º semestre


19/08/2010 | 07:06


As empresas de telecomunicações investiram no Brasil R$ 5,1 bilhões no primeiro semestre. Os dados foram divulgados ontem pela Telebrasil (Associação Brasileira de Telecomunicações). Segundo a entidade, os recursos foram aplicados, sobretudo, na expansão, modernização e melhoria da qualidade dos serviços. Desde 1998, ano da privatização do setor no Brasil, os investimentos totais no País somam R$ 182,1 bilhões, de acordo com a Telebrasil.

Nos primeiros seis meses do ano, o número de clientes de telefonia fixa, celular, banda larga e TV por assinatura alcançaram a marca de 247,4 milhões, com o incremento de 13 milhões de consumidores que entraram no mercado. Esses dados indicam crescimento de 5,5% sobre a base de usuários registrada em dezembro e de 13,1% sobre os 218,8 milhões de clientes registrados em junho do ano passado.

A telefonia móvel continua sendo o destaque. No acumulado do ano, 11,1 milhões de celulares foram habilitados, chegando a um total de 185,1 milhões de clientes. Segundo a Telebrasil, o segmento de TV por assinatura mantém a tendência de alta registrada após a entrada das concessionárias de telefonia fixa neste mercado, com crescimento de 12% no período em relação ao fim de 2009.

O total dos clientes desses serviços passou de 7,5 milhões, em dezembro, para 8,4 milhões no fim de junho deste ano. A telefonia fixa, segundo a entidade, fechou o primeiro semestre com 41,6 milhões de clientes. A banda larga, por sua vez, encerrou o semestre com 18,4 milhões de acessos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;