Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Suspeita de bomba evacua o Fórum de Santo André


Vanessa de Oliveira
Do Diário do Grande ABC

15/12/2015 | 07:00


Uma suspeita de bomba em frente ao Fórum de Santo André causou tumulto na tarde de ontem. Por volta das 16h, a PM (Polícia Militar) recebeu uma ligação dizendo que um homem havia deixado uma mala na entrada do elevador para deficientes físicos e saído correndo do local, levantando suspeitas.

A primeira equipe que chegou ali isolou a área por precaução e acionou apoio da Força Tática. Ao avaliar que a valise possuía “algumas características que recomendam cautela”, segundo o capitão da PM Luiz Roberto Moraes, algumas salas do fórum, da Câmara, da Prefeitura e da Biblioteca Municipal foram evacuadas. “A mala tinha manchas de gordura e, pela fresta, não foi possível precisar o que havia dentro dela, então, fizemos o isolamento da área mais próxima, principalmente pelos vidros de todos os prédios”, explicou.

A zeladora Cláudia Maria, 38 anos, estava no fórum para a audiência do filho quando a confusão foi iniciada. “A audiência estava marcada para às 16h. Quando estava lá esperando, falaram que tinha sido cancelada e que precisávamos sair do prédio por conta de uma bomba. Agora estou aqui sem saber como vai ficar a audiência e meu filho ficou lá na carceragem. Nem sei se ele já saiu”, contou.

“A juíza já estava lendo os documentos na conciliação e pararam no meio. Fiquei assustada e agora sem entender quando vou ter a resposta da audiência”, disse a babá Rosineide de Sousa, 38.

O Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) foi chamado para analisar a mala. Enquanto a equipe era aguardada, um morador de rua chegou ao local e disse que o objeto era de sua propriedade. Porém, aparentando transtornos mentais, não teve permissão para pegá-lo e foi retirado da área.

Às 18h20, o Gate iniciou a verificação da valise, com um aparelho de raio X. Como não houve condições de afirmar 100% se havia algo no interior da mala, o Gate fez ação preventiva de detonação do objeto. Nada foi encontrado e a perícia levou o material para análise.

Todo o processo envolveu 20 policiais, dez homens do Corpo de Bombeiros, além de efetivo da GCM (Guarda Civil Municipal). “Se eu tivesse visto essa mala antes, tinha pego e nem deixado acontecer tudo isso”, falou uma funcionária do fórum que preferiu não se identificar.

O caso foi registrado no 1º DP (Distrito Policial), onde será investigado quem colocou a mala no local. O Diário tentou contato com o delegado para verificar a existência de imagens captadas pelas câmeras de segurança, mas não o localizou até o fechamento desta edição.(colaborou Daniel Macário) 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Suspeita de bomba evacua o Fórum de Santo André

Vanessa de Oliveira
Do Diário do Grande ABC

15/12/2015 | 07:00


Uma suspeita de bomba em frente ao Fórum de Santo André causou tumulto na tarde de ontem. Por volta das 16h, a PM (Polícia Militar) recebeu uma ligação dizendo que um homem havia deixado uma mala na entrada do elevador para deficientes físicos e saído correndo do local, levantando suspeitas.

A primeira equipe que chegou ali isolou a área por precaução e acionou apoio da Força Tática. Ao avaliar que a valise possuía “algumas características que recomendam cautela”, segundo o capitão da PM Luiz Roberto Moraes, algumas salas do fórum, da Câmara, da Prefeitura e da Biblioteca Municipal foram evacuadas. “A mala tinha manchas de gordura e, pela fresta, não foi possível precisar o que havia dentro dela, então, fizemos o isolamento da área mais próxima, principalmente pelos vidros de todos os prédios”, explicou.

A zeladora Cláudia Maria, 38 anos, estava no fórum para a audiência do filho quando a confusão foi iniciada. “A audiência estava marcada para às 16h. Quando estava lá esperando, falaram que tinha sido cancelada e que precisávamos sair do prédio por conta de uma bomba. Agora estou aqui sem saber como vai ficar a audiência e meu filho ficou lá na carceragem. Nem sei se ele já saiu”, contou.

“A juíza já estava lendo os documentos na conciliação e pararam no meio. Fiquei assustada e agora sem entender quando vou ter a resposta da audiência”, disse a babá Rosineide de Sousa, 38.

O Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) foi chamado para analisar a mala. Enquanto a equipe era aguardada, um morador de rua chegou ao local e disse que o objeto era de sua propriedade. Porém, aparentando transtornos mentais, não teve permissão para pegá-lo e foi retirado da área.

Às 18h20, o Gate iniciou a verificação da valise, com um aparelho de raio X. Como não houve condições de afirmar 100% se havia algo no interior da mala, o Gate fez ação preventiva de detonação do objeto. Nada foi encontrado e a perícia levou o material para análise.

Todo o processo envolveu 20 policiais, dez homens do Corpo de Bombeiros, além de efetivo da GCM (Guarda Civil Municipal). “Se eu tivesse visto essa mala antes, tinha pego e nem deixado acontecer tudo isso”, falou uma funcionária do fórum que preferiu não se identificar.

O caso foi registrado no 1º DP (Distrito Policial), onde será investigado quem colocou a mala no local. O Diário tentou contato com o delegado para verificar a existência de imagens captadas pelas câmeras de segurança, mas não o localizou até o fechamento desta edição.(colaborou Daniel Macário) 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;