Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Conta a verdade...

É inevitável: quando uma ação positiva emplaca junto ao eleitorado, todo mundo quer ser o pai da criança. Em São Caetano


Do Diário do Grande ABC

23/04/2010 | 00:00


É inevitável: quando uma ação positiva emplaca junto ao eleitorado, todo mundo quer ser o pai da criança. Em São Caetano, não tem sido diferente. Quando o prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PTB), anunciou que iria conceder abono a professores e diretores, de R$ 500 a R$ 750, os vereadores reclamaram e solicitaram ao chefe do Executivo a extensão do benefício a todos os servidores do setor de Educação do município. Em reunião na terça-feira, a administração assegurou aos parlamentares que estenderia o abono, de R$ 200, para todos os funcionários da área. E nem saíram do encontro com o secretário de Governo, Tite Campanella, e os vereadores fizeram questão de dizer aos quatro cantos que a medida só ocorreu após pressão deles. Mas os políticos só esqueceram de contar um pequeno detalhe dessa história: o documento que foi assinado por todos os parlamentares pedia a Auricchio abono de R$ 100. E como o prefeito deu 100% a mais do que eles tinham sugerido, eles trataram de ficar bem quietinhos. Vai que cola que tudo partiu do Legislativo...

Bastidores
Conta a verdade... 2
Ainda em São Caetano, outra situação de apropriação de ideia alheia: o vereador Joel Fontes (PMDB) tem divulgado que partiu dele a proposta de conceder o nome de Milton Andrade à Fundação das Artes. A indicação a Auricchio foi assinada pelo peemedebista no dia 7 de dezembro, seis dias após a morte do ator. Só que o prefeito já estava sabendo da homenagem. Um dia após o enterro de Milton, no dia 2 de dezembro, artistas e intelectuais do município enviaram documento ao prefeito de São Caetano sugerindo a homenagem ao idealizador da entidade. Tudo para sair na foto na hora de descerrar a plaquinha, hein?

Não, obrigado
Os vereadores de Santo André receberam um presente especial durante a sessão de ontem: a camisa do Ramalhão para engrossar a torcida no duelo contra o Santos pelo título do Paulistão, no domingo. Só que o tucano Paulinho Serra não aceitou a lembrança, o que causou estranheza em quem acompanhou a cena. Depois, Paulinho tentou justificar: "Como eu já tenho, resolvi deixar para outra pessoa." Mas precisava dizer não a uma gentileza?

Emenda ‘democrata'
O deputado estadual Rodrigo Garcia (DEM) visitou ontem o vereador de Mauá, Manoel Lopes (DEM), que aproveitou para reivindicar recursos para a construção de um muro de arrimo.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;