Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 4 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

diarinho@dgabc.com.br | 4435-8396

Livro conta a história de cobrinha que não consegue conviver com outros bichos

'A Rosinha - A Cobrinha de Rua' tem personagem criada para servir de exemplo


Evaldo Novelini
Do Diário do Grande ABC

28/02/2021 | 00:01


Tudo era bonito no Reino Encantado. Havia muitas árvores, flores de todas as cores e um lago que, de tão limpo, servia de espelho aos animais. Todos os bichos que moravam ali eram felizes, menos um. A cobrinha- verde Rosinha não conseguia fazer nenhum amigo, pois eles tinham medo de seu veneno, e passava os dias triste. Algumas vezes, ela chorava.

Por mais que tentasse conversar com os vizinhos, não despertava a confiança deles. Quando a viam chegar, os animais encontravam uma desculpa e fugiam rapidamente, apavorados. Foi assim com o papagaio Sandoval, com a hiena Jonas, com a cegonha Judite e até com o rei do lugar, o leão Sinval.

Até que um dia, cansada de ser desprezada, Rosinha decidiu ir embora do reino. Foi quando ouviu gritos de desespero vindos de uma festa para a qual não tinha sido convidada. Decidiu descobrir o motivo.

Foi então que viu um caçador prestes a atacar Sinval... O Diarinho não vai contar o fim da história, porque isso pode estragar a surpresa do livro Rosinha – A Cobrinha de Rua (Igarapé Editora, 35 páginas, R$ 50), escrito por Ivonaldo Porto. Mas dá para dizer que, em uma atitude cheia de coragem, ela salvou o Reino Encantado. E, de quebra, conquistou muitos amigos.

Personagem foi criada para servir de exemplo ao filho do escritor

A cobrinha Rosinha saiu da imaginação do escritor Ivonaldo Porto, pernambucano de Recife. Foi o jeito que ele encontrou de passar alguns de seus conhecimentos para o filho, Marcello de Oliveira Porto, 11 anos.

O escritor vai lançar mais nove livros com a cobrinha até o fim do ano. Eles abordarão meio ambiente, drogas, bullying, pátria, tolerância, primeiro amor, religião, família e racismo. No fim da coleção, haverá uma caixa para guardar todos eles. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;