Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Mecânico sai para pescar e vai parar em porta-malas


Nicolas Tamasauskas
Do Diário do Grande ABC

27/04/2003 | 19:25


O mecânico R.S.F., 37 anos, ficou 40 minutos preso no porta-malas de um carro, ao ser vítima de um assalto na madrugada de domingo, em Ribeirão Pires. F. foi atacado por ladrões ao parar seu carro em um semáforo na avenida Francisco Monteiro, na região central da cidade. Ele não foi ferido, mas ao ser libertado, no Riacho Grande, em São Bernardo, teve de caminhar por mais de duas horas até a delegacia-sede de Ribeirão, onde registrou o roubo. O carro de F., um Corsa, não havia sido localizado pela polícia até domingo.

O mecânico foi rendido por volta de 5h, quando saía de casa para pescar na represa Billings. “Parei no semáforo e encostou um Opala preto ao lado”, disse. Um homem que ocupava o banco de passageiros do Opala apontou um revólver para F. e anunciou o roubo. Três ladrões estavam no carro. O mecânico não conseguiu identificar a placa do Opala. “Ainda estava escuro e não deu para ver direito nem o carro nem os ladrões”, disse.

Em seguida, F. foi colocado no porta-malas do Opala, enquanto um dos ladrões assumia a direção de seu carro. Segundo o mecânico, os assaltantes não roubaram nada além do carro, embora ele acreditasse naquele momento estar sendo vítima de um seqüestro-relâmpago.

Quando forçaram F. a entrar no porta-malas do Opala, os ladrões disseram para o comerciante “ficar tranqüilo, porque só iriam dar uma volta”, disse F. “Foi uma sensação terrível.”

Libertado no Riacho Grande, em São Bernardo, o mecânico andou até as 9h, quando chegou à delegacia-sede de Ribeirão, onde registrou a ocorrência. O mecânico nunca havia sido assaltado e costuma sair para pescar nas manhãs de domingo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mecânico sai para pescar e vai parar em porta-malas

Nicolas Tamasauskas
Do Diário do Grande ABC

27/04/2003 | 19:25


O mecânico R.S.F., 37 anos, ficou 40 minutos preso no porta-malas de um carro, ao ser vítima de um assalto na madrugada de domingo, em Ribeirão Pires. F. foi atacado por ladrões ao parar seu carro em um semáforo na avenida Francisco Monteiro, na região central da cidade. Ele não foi ferido, mas ao ser libertado, no Riacho Grande, em São Bernardo, teve de caminhar por mais de duas horas até a delegacia-sede de Ribeirão, onde registrou o roubo. O carro de F., um Corsa, não havia sido localizado pela polícia até domingo.

O mecânico foi rendido por volta de 5h, quando saía de casa para pescar na represa Billings. “Parei no semáforo e encostou um Opala preto ao lado”, disse. Um homem que ocupava o banco de passageiros do Opala apontou um revólver para F. e anunciou o roubo. Três ladrões estavam no carro. O mecânico não conseguiu identificar a placa do Opala. “Ainda estava escuro e não deu para ver direito nem o carro nem os ladrões”, disse.

Em seguida, F. foi colocado no porta-malas do Opala, enquanto um dos ladrões assumia a direção de seu carro. Segundo o mecânico, os assaltantes não roubaram nada além do carro, embora ele acreditasse naquele momento estar sendo vítima de um seqüestro-relâmpago.

Quando forçaram F. a entrar no porta-malas do Opala, os ladrões disseram para o comerciante “ficar tranqüilo, porque só iriam dar uma volta”, disse F. “Foi uma sensação terrível.”

Libertado no Riacho Grande, em São Bernardo, o mecânico andou até as 9h, quando chegou à delegacia-sede de Ribeirão, onde registrou a ocorrência. O mecânico nunca havia sido assaltado e costuma sair para pescar nas manhãs de domingo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;