Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 3 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Medidas de estímulo à construçao de moradias saem em novembro


Do Diário do Grande ABC

27/09/1999 | 16:25


O presidente da Caixa Econômica Federal, Emílio Carazzai, informou segunda-feira que as novas medidas de estímulo à construçao de moradias no país vao ser anunciadas no próximo mês pelo presidente Fernando Henrique Cardoso.

Segundo Carazzai, trata-se de um programa de antecipaçao e aquisiçao de recebíveis com volumes substanciais de recursos, taxas e prazos mais favoráveis.

O novo programa, ainda de acordo com ele, é constituído por duas partes. Num dos subprogramas, a CEF anteciparia o recebimento dos títulos dando liquidez às empresas. No outro, haveria uma aquisiçao desses títulos e, nesse caso, a Caixa precisaria analisar a capacidade de pagamento de cada mutuário porque o risco para a instituiçao seria maior.

Carazzai disse que o programa resultou de um pedido feito pelo presidente Fernando Henrique Cardoso para que a CEF tomasse a iniciativa de apoiar mais as empresas de construçao. Esse apoio seria em funçao das empresas de construçao terem praticado financiamentos diretos aos mutuários e, nesse processo, terem também acumulado um volume de recebíveis em carteira própria bastante expressivo. ``Esse acúmulo significa uma imobilizaçao de capital de giro e diminui a capacidade das empresas de iniciarem novos empreendimentos``.

De acordo com ele, as estimativas sao de que existam atualmente cerca de R$ 1,8 bilhao de recebíveis em carteira.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Medidas de estímulo à construçao de moradias saem em novembro

Do Diário do Grande ABC

27/09/1999 | 16:25


O presidente da Caixa Econômica Federal, Emílio Carazzai, informou segunda-feira que as novas medidas de estímulo à construçao de moradias no país vao ser anunciadas no próximo mês pelo presidente Fernando Henrique Cardoso.

Segundo Carazzai, trata-se de um programa de antecipaçao e aquisiçao de recebíveis com volumes substanciais de recursos, taxas e prazos mais favoráveis.

O novo programa, ainda de acordo com ele, é constituído por duas partes. Num dos subprogramas, a CEF anteciparia o recebimento dos títulos dando liquidez às empresas. No outro, haveria uma aquisiçao desses títulos e, nesse caso, a Caixa precisaria analisar a capacidade de pagamento de cada mutuário porque o risco para a instituiçao seria maior.

Carazzai disse que o programa resultou de um pedido feito pelo presidente Fernando Henrique Cardoso para que a CEF tomasse a iniciativa de apoiar mais as empresas de construçao. Esse apoio seria em funçao das empresas de construçao terem praticado financiamentos diretos aos mutuários e, nesse processo, terem também acumulado um volume de recebíveis em carteira própria bastante expressivo. ``Esse acúmulo significa uma imobilizaçao de capital de giro e diminui a capacidade das empresas de iniciarem novos empreendimentos``.

De acordo com ele, as estimativas sao de que existam atualmente cerca de R$ 1,8 bilhao de recebíveis em carteira.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;