Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Frentista é arrastado por 300m em carro na Praia Grande


Do Diário OnLine

01/04/2003 | 15:12


Um frentista foi arrastado por 300 metros na noite dessa segunda-feira, de um posto de gasolina na Praia Grande, Baixada Santista, até o início da ponte do Mar Pequeno, que liga a cidade a São Vicente e ao sistema Anchieta-Imigrantes, por um fusca amarelo que tinha acabado de ser abastecido.

Quando o frentista Milton da Silva Vidal, 30 anos, foi cobrar a conta, o passageiro do carro puxou seu braço e o motorista acelerou, segundo informações de testemunhas. Silva foi arrastado por cerca de 300 m e abandonado na ponte.

Depois de ser socorrido por pescadores, o frentista foi levado para a Santa Casa de Paria Grande, onde disse aos policiais que atenderam a ocorrência que os bandidos queriam dinheiro e que riam enquanto o arrastavam.

Silva ficou ferido nos braços, pernas e pés. A polícia analisa as imagens feitas por 12 câmeras de vídeo usadas na segurança do posto.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Frentista é arrastado por 300m em carro na Praia Grande

Do Diário OnLine

01/04/2003 | 15:12


Um frentista foi arrastado por 300 metros na noite dessa segunda-feira, de um posto de gasolina na Praia Grande, Baixada Santista, até o início da ponte do Mar Pequeno, que liga a cidade a São Vicente e ao sistema Anchieta-Imigrantes, por um fusca amarelo que tinha acabado de ser abastecido.

Quando o frentista Milton da Silva Vidal, 30 anos, foi cobrar a conta, o passageiro do carro puxou seu braço e o motorista acelerou, segundo informações de testemunhas. Silva foi arrastado por cerca de 300 m e abandonado na ponte.

Depois de ser socorrido por pescadores, o frentista foi levado para a Santa Casa de Paria Grande, onde disse aos policiais que atenderam a ocorrência que os bandidos queriam dinheiro e que riam enquanto o arrastavam.

Silva ficou ferido nos braços, pernas e pés. A polícia analisa as imagens feitas por 12 câmeras de vídeo usadas na segurança do posto.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;