Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 26 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Volkswagen Run agita fábrica da Anchieta


Kátia Kazedani
Especial para o Diário

30/09/2007 | 07:06


Atletas e funcionários participam este domingo da primeira Volkswagen Run. A fábrica da montadora abre as portas em São Bernardo para receber corredores dos mais diversos pontos do País, engajados em percorrer 10 quilômetros nas instalações. A largada será às 9h.

Preparar a fábrica para a prova, no entanto, não foi tarefa das mais fáceis. Corredores, alamedas – alguns com pisos antiderrapantes – e outros setores foram adaptados à prova, que contará também com postos de atendimento. O trecho fechado do percurso será na Ala 14, onde estão as linhas de montagem dos modelos Fox e Polo. As atividades da fábrica serão retomadas apenas no período da tarde.

Ao todo, participarão da corrida 4.500 atletas, sendo que 1.000 trabalham na empresa.

Entre os competidores de renome, destaques para Marílson Gomes dos Santos, campeão da Maratona de Nova York de 2006 e das edições de 2003 e 2005 da São Silvestre, e Franck Caldeira de Oliveira, vencedor da Maratona dos Jogos Pan-Americanos e da Meia Maratona de 2006 e 2007 – ambas no Rio de Janeiro – e da São Silvestre de 2006.

Entre as mulheres, Marizete de Paula Rezende, campeã da São Silvestre de 2002 e da Meia Maratona do Rio de Janeiro, em 2006, e Sirlene Pinho, bronze no Pan-Americano do Rio de Janeiro e vice da Maratona de São Paulo, em 2005, são as favoritas.

Estrelas à parte, os anônimos também prometem roubar a cena durante a corrida. Operadora de micros da Volks há 23 anos, Maria Juçara Batista dos Santos, de 45 anos, sempre participou de corridas importantes, como a São Silvestre, e acredita que o trajeto será difícil porque tem muitas subidas. Ela, no entanto, tem um palpite sobre quem será a vencedora da inédita disputa. “É muito bom poder competir ao lado de atletas de ponta, mas acho que a Marizete (Rezende) será a campeã. Ela é uma excelente atleta.”

Premiação -  Os vencedores da prova nas duas categorias levarão um veículo 0km. Os classificados do segundo ao décimo lugares receberão prêmio em dinheiro.

Além disso, os atletas que cruzarem a linha de chegada em até 1h45 receberão medalha de participação e concorrerão a uma Parati Track&Field. (Supervisão de Angelo Verotti)



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Volkswagen Run agita fábrica da Anchieta

Kátia Kazedani
Especial para o Diário

30/09/2007 | 07:06


Atletas e funcionários participam este domingo da primeira Volkswagen Run. A fábrica da montadora abre as portas em São Bernardo para receber corredores dos mais diversos pontos do País, engajados em percorrer 10 quilômetros nas instalações. A largada será às 9h.

Preparar a fábrica para a prova, no entanto, não foi tarefa das mais fáceis. Corredores, alamedas – alguns com pisos antiderrapantes – e outros setores foram adaptados à prova, que contará também com postos de atendimento. O trecho fechado do percurso será na Ala 14, onde estão as linhas de montagem dos modelos Fox e Polo. As atividades da fábrica serão retomadas apenas no período da tarde.

Ao todo, participarão da corrida 4.500 atletas, sendo que 1.000 trabalham na empresa.

Entre os competidores de renome, destaques para Marílson Gomes dos Santos, campeão da Maratona de Nova York de 2006 e das edições de 2003 e 2005 da São Silvestre, e Franck Caldeira de Oliveira, vencedor da Maratona dos Jogos Pan-Americanos e da Meia Maratona de 2006 e 2007 – ambas no Rio de Janeiro – e da São Silvestre de 2006.

Entre as mulheres, Marizete de Paula Rezende, campeã da São Silvestre de 2002 e da Meia Maratona do Rio de Janeiro, em 2006, e Sirlene Pinho, bronze no Pan-Americano do Rio de Janeiro e vice da Maratona de São Paulo, em 2005, são as favoritas.

Estrelas à parte, os anônimos também prometem roubar a cena durante a corrida. Operadora de micros da Volks há 23 anos, Maria Juçara Batista dos Santos, de 45 anos, sempre participou de corridas importantes, como a São Silvestre, e acredita que o trajeto será difícil porque tem muitas subidas. Ela, no entanto, tem um palpite sobre quem será a vencedora da inédita disputa. “É muito bom poder competir ao lado de atletas de ponta, mas acho que a Marizete (Rezende) será a campeã. Ela é uma excelente atleta.”

Premiação -  Os vencedores da prova nas duas categorias levarão um veículo 0km. Os classificados do segundo ao décimo lugares receberão prêmio em dinheiro.

Além disso, os atletas que cruzarem a linha de chegada em até 1h45 receberão medalha de participação e concorrerão a uma Parati Track&Field. (Supervisão de Angelo Verotti)

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;