Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 2 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ucrânia: pesquisas de boca-de-urna dão vitória para pró-ocidentais


Da AFP

30/09/2007 | 17:40


As forças do presidente da Ucrânia, o pró-ocidental Viktor Yushenko, conseguiram uma vitória apertada nas eleições legislativas deste domingo, segundo duas pesquisas de boca-de-urna que lhes atribui 44,9 e 45,7% dos votos.

Os partidos pró-russos, ou seja, o Partido das Regiões, do primeiro-ministro Viktor Yanukovich, e os Comunistas, aliados do atual governo, obtiveram, por sua parte, entre 34,5% e 39,6% dos votos.

Esses dados foram divulgados logo após o fechamento dos colégios eleitorais na ex-república soviética, e mostram como o partido de Yushenko, Nossa Ucrânia, e o Bloco de Yulia Tymoshenko, ex-primeira-ministra, se impuseram por uma estreita margem ao premiê Yanukovich.

A participação nas eleições legislativas superou os 50% na maioria dos distritos eleitorais do país. A participação média foi de 57,3% em 163 dos 225 distritos do país, quando faltavam duas horas para o fechamento das seções, informou a Comissão Eleitoral Central.

Eleições- Os colégios eleitorais abriram suas portas às 7h (local) neste domingo na Ucrânia, para eleições legislativas que trazem a esperança de estabilidade ao país, após várias crises políticas.

Cerca de 37 milhões de eleitores estão convocados para eleger o novo Parlamento, no caso da Ucrânia uma assembléia unicameral com 450 cadeiras.

Embora haja 20 partidos na disputa, apenas três com certeza conseguirão atingir os 3% exigidos para entrar no Parlamento.

Ontem, o presidente pró-ocidental da Ucrânia, Viktor Yushenko, pediu a seus compatriotas que acabem com o "caos" atual no país e façam uma "escolha sábia entre o passado e as mudanças".



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ucrânia: pesquisas de boca-de-urna dão vitória para pró-ocidentais

Da AFP

30/09/2007 | 17:40


As forças do presidente da Ucrânia, o pró-ocidental Viktor Yushenko, conseguiram uma vitória apertada nas eleições legislativas deste domingo, segundo duas pesquisas de boca-de-urna que lhes atribui 44,9 e 45,7% dos votos.

Os partidos pró-russos, ou seja, o Partido das Regiões, do primeiro-ministro Viktor Yanukovich, e os Comunistas, aliados do atual governo, obtiveram, por sua parte, entre 34,5% e 39,6% dos votos.

Esses dados foram divulgados logo após o fechamento dos colégios eleitorais na ex-república soviética, e mostram como o partido de Yushenko, Nossa Ucrânia, e o Bloco de Yulia Tymoshenko, ex-primeira-ministra, se impuseram por uma estreita margem ao premiê Yanukovich.

A participação nas eleições legislativas superou os 50% na maioria dos distritos eleitorais do país. A participação média foi de 57,3% em 163 dos 225 distritos do país, quando faltavam duas horas para o fechamento das seções, informou a Comissão Eleitoral Central.

Eleições- Os colégios eleitorais abriram suas portas às 7h (local) neste domingo na Ucrânia, para eleições legislativas que trazem a esperança de estabilidade ao país, após várias crises políticas.

Cerca de 37 milhões de eleitores estão convocados para eleger o novo Parlamento, no caso da Ucrânia uma assembléia unicameral com 450 cadeiras.

Embora haja 20 partidos na disputa, apenas três com certeza conseguirão atingir os 3% exigidos para entrar no Parlamento.

Ontem, o presidente pró-ocidental da Ucrânia, Viktor Yushenko, pediu a seus compatriotas que acabem com o "caos" atual no país e façam uma "escolha sábia entre o passado e as mudanças".

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;