Fechar
Publicidade

Sábado, 27 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Michels diz que Reali fez curso de Pinóquio


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

25/10/2012 | 06:00


Prefeiturável oposicionista em Diadema, Lauro Michels (PV) afirmou que o prefeito Mário Reali (PT) "fez curso de Pinóquio, porque só sabe dizer mentiras". O verde usou a história infantil para acusar o petista de espalhar panfletos com, segundo ele, inverdades sobre sua campanha.

Durante atividade em caminhão de som, Michels reclamou que Reali tenta convencer eleitorado que ele quer acabar com a Lei Seca, extinguir cargos de agentes de Saúde no serviço público e instituir a cobrança na integração tarifária nos terminais Diadema e Piraporinha.

"Eu teria vergonha de entregar um jornalzinho desses com tantas mentiras", disse o verde a um grupo de militantes petistas que panfletavam na entrada do Jardim Gazuza - o oposicionista percorreu também o Jardim Sapopema, Eldorado, Promissão e Casa Grande. "Estou tendo, todos os dias, de desmentir as inverdades que o prefeito fala", contestou.

Michels acusou Reali de corroborar na colocação de catracas nos terminais Diadema e Piraporinha para a cobrança da baldeação. "Ele faliu a ETCD (Empresa de Transporte Coletivo de Diadema). Foi determinante para que colocassem as catracas. Ele é o ‘Mário Catraca''", discursou.

Nas redes sociais, petistas passaram a chamar Michels de ‘Lauro Catraca'', avaliando que, como o verde é apoiado pelo governo do Estado, tem responsabilidade no fim da integração gratuita - benefício de mais de 20 anos no município.

O presidente do PSDB diademense, José Dourado, e o vereador de São Caetano Fábio Palacio (PR) integraram a comitiva de Michels por diversos bairros da cidade. Ex-aliado de Reali, o advogado Enóque Santos Silva (quarto suplente de vereador pelo PPS, com 1.618 votos) também subiu no caminhão de som do oposicionista. "O tempo deles (petistas) já passou em Diadema", bradou o popular-socialista no microfone.

 

GOVERNO SURREAL

Além de chamar Reali de Pinóquio, Michels disse também que a administração do petista foi "surreal". "O Mário Reali não é a realidade que Diadema precisa. Ele é surreal, acabou com toda a cidade."

O verde também comentou sua participação no debate promovido pelo Diário na terça-feira e avaliou que "deu show de bola" no prefeito. "Vamos dar uma surra nos votos", sentenciou.

 

Verdes citam comissionado pedindo votos

 

Circulou foto ontem nas redes sociais do coodenador de parques da Prefeitura de Diadema, Segundo Perez García, supostamente pedindo votos ao prefeito Mário Reali (PT) em horário de expediente.

A fotografia, colocada no Facebook por um apoiador do oposicionista Lauro Michels (PV), apresenta García com panfletos de Reali e conversando com um munícipe. Não há provas de que o ato foi flagrado durante horário em que ele deveria estar no Paço.

Militantes verdes cobram posicionamento do prefeito sobre o caso, solicitando que haja desconto no salário de García. Os vencimentos do funcionário são equivalentes a chefe de divisão no Executivo, cuja remuneração base é de R$ 4.460.

Na reta final da eleição, servidores comissionados e secretários do governo viraram figuras carimbadas nas atividades de campanha. No primeiro turno, Reali cobrou engajamento de funcionários apadrinhados para vitória já na primeira etapa do processo eleitoral.

O clima tenso vivenciado nas ruas de Diadema também é visto nas redes sociais. Militantes petistas e verdes quase que diariamente trocam acusações. Apoiadores do PT sempre ligam a imagem de Michels à de políticas mal-sucedidas no governo do Estado, enquanto eleitores do PV atrelam Reali ao Mensalão.

 

 

 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;