Fechar
Publicidade

Domingo, 5 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Imprensa britânica destaca 'desprezo' de Elizabeth a príncipe Charles


Da AFP

23/02/2005 | 11:20


A maioria dos jornais britânicos classificou como desprezo a decisão da rainha Elizabeth II de não assistir à cerimônia de casamento civil de seu filho, o príncipe Charles, herdeiro do trono, com Camilla Parker Bowles, no dia 8 de abril.

O Daily Mail, um tablóide popular de direita, afirmou que a rainha tomou a decisão depois das queixas de que o "acontecimento vai rebaixar a monarquia". "O anúncio constitui uma humilhação maior para o príncipe e é o indício mais claro de que sua mãe não aprova a decisão (do príncipe) de fazer de Camilla Parker Bowles sua segunda esposa", acrescentou.

Já o Daily Express (direita) falou de um "desprezo surpreendente" e de um "novo golpe para Charles e Camilla", cujos preparativos para o casamento acumulam problemas.

O tablóide Sun destacou, por sua vez, que a rainha será "o primeiro monarca em 142 anos a não assistir o casamento de um de seus filhos", e falou também de um "enorme desprezo". "Muita gente vai interpretar sua ausência como um sinal de desaprovação", acrescentou.

"A rainha desdenha o casamento de Charles", intitulou, por sua vez, o conservador Daily Telegraph. "Este anúncio é mais um golpe para o príncipe, que está vendo afundar os projetos para seu casamento em 8 de abril", acrescentou.

Até mesmo o Times (direita) mudou sua capa entre a primeira e a segunda edições para anunciar o acontecimento, qualificando também a decisão da rainha de "desprezo maior". Segundo o jornal, Elizabeth II estaria contrariada pela precipitação do anúncio do casamento e a série de tropeções que se seguiram.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Imprensa britânica destaca 'desprezo' de Elizabeth a príncipe Charles

Da AFP

23/02/2005 | 11:20


A maioria dos jornais britânicos classificou como desprezo a decisão da rainha Elizabeth II de não assistir à cerimônia de casamento civil de seu filho, o príncipe Charles, herdeiro do trono, com Camilla Parker Bowles, no dia 8 de abril.

O Daily Mail, um tablóide popular de direita, afirmou que a rainha tomou a decisão depois das queixas de que o "acontecimento vai rebaixar a monarquia". "O anúncio constitui uma humilhação maior para o príncipe e é o indício mais claro de que sua mãe não aprova a decisão (do príncipe) de fazer de Camilla Parker Bowles sua segunda esposa", acrescentou.

Já o Daily Express (direita) falou de um "desprezo surpreendente" e de um "novo golpe para Charles e Camilla", cujos preparativos para o casamento acumulam problemas.

O tablóide Sun destacou, por sua vez, que a rainha será "o primeiro monarca em 142 anos a não assistir o casamento de um de seus filhos", e falou também de um "enorme desprezo". "Muita gente vai interpretar sua ausência como um sinal de desaprovação", acrescentou.

"A rainha desdenha o casamento de Charles", intitulou, por sua vez, o conservador Daily Telegraph. "Este anúncio é mais um golpe para o príncipe, que está vendo afundar os projetos para seu casamento em 8 de abril", acrescentou.

Até mesmo o Times (direita) mudou sua capa entre a primeira e a segunda edições para anunciar o acontecimento, qualificando também a decisão da rainha de "desprezo maior". Segundo o jornal, Elizabeth II estaria contrariada pela precipitação do anúncio do casamento e a série de tropeções que se seguiram.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;