Fechar
Publicidade

Domingo, 29 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

É hora de procurar emprego

Com o mercado aquecido, tanto profissionais empregados quanto os desempregados têm boas chances de conseguir uma colocação


Cíntia Bortotto

14/02/2011 | 00:00


Estamos vivendo um momento excelente no mercado de trabalho. Todos os dias, nos veículos de comunicação, ouvimos que estão faltando pessoas para se preencher todas as vagas. Isso demonstra a dificuldade que as empresas estão encontrando para localizar bons profissionais. Assim, para quem está buscando um emprego, agora é a hora.

Com o mercado está aquecido, tanto profissionais empregados, como desempregados têm boas chances de conseguir empregos. O profissional desempregado tem mais oportunidade e flexibilidade de horário para participar de entrevistas, dinâmicas, etc. Mas, culturalmente, busca-se mais profissionais empregados. Não importa o seu caso, as vagas estão abertas.

PRIMEIROS PASSOS

Neste cenário, as pessoas sempre me perguntam: por onde eu começo? Inicie sua procura elaborando bem o currículo. Deixe claro seu objetivo, mensure resultados de projetos, resuma suas qualificações e deixe bem explicado, de forma cronológica, sua passagem pelas empresas onde trabalhou.

Assim que o currículo estiver atualizado e revisado, é importante disponibilizá-lo no maior número de veículos possível. Procurar emprego na era digital ficou um pouco diferente, pois grande parte das vagas serão encontradas online. É inconcebível pensar em recrutamento sem pensar em internet e e-mail. Os currículos chegam, principalmente dessa forma, as vagas são divulgadas em sites e as redes sociais têm um papel cada vez mais importante neste processo.

O jornal continua sendo um veículo importante para alguns cargos, como os que circulam entre as camadas da sociedade que ainda têm certa dificuldade com a inclusão digital.

ESPALHE SEU CURRÍCULO!

Seguem algumas dicas para divulgá-lo:

1. Procure sites nos quais você pode cadastrar seu currículo gratuitamente, muitas empresas utilizam esta fonte.

2. Sites que você pague uma taxa mensal para manter seu currículo também é uma alternativa.

3. Procure sites de consultorias de Recursos Humanos, pois estes também podem oferecer diversas oportunidades

4. Defina quais empresas são seus principais alvos e explore os sites delas.Cadastre seu currículo no banco de dados delas.

5. Envie e-mails para consultorias de especializadas na busca de executivos, se for o caso.

6 . Divulgue via e-mail para sua lista de contatos, amigos e pessoas que já trabalharam com você.

7. Utilize suas redes sociais para buscar oportunidades. LinkedIn, Twitter e Facebook estão em alta.

8. Veja mais dicas no meu site: www.consultoriaemrh.com.br

FAÇA CONTATOS!

O networking vai acontecendo à medida que as pessoas vão se relacionando. Portanto, para melhorar sua capacidade de networking, é preciso participar de fóruns e reuniões, comparecer a palestras, associações e ir cadastrando as pessoas com as quais mantém contato.

Quando um movimento começa a acontecer, no sentido de mudança de emprego ou recolocação, é importante que as pessoas saibam tanto do seu interesse em mudar, como tenham acesso ao seu material.

A ENTREVISTA

Costumo dizer que, na hora do encontro com o recrutador, quatro pontos fundamentais são importantes para atentar:

Cuidados com a aparência - procure estar bem vestido(a), com roupas discretas preferindo sempre tons neutros. Nada de decote, barba por fazer, sapato sujo, saia sem meia fina. Ternos e tailleurs escuros são boas pedidas, camisas brancas, sapatos limpos, barba e cabelo cortados. Maquiagem discreta.

Cuidados com a fala - a mensagem que você passa para o entrevistador vai muito além do que você fala na entrevista.Você deve se mostrar interessado, mas sem ser invasivo. Procure ser agradável, você deve cativar quem está lhe entrevistando. Seu corpo dá sinais, por isso é importante você perceber como está se sentindo.

Cuidados com o conteúdo - repasse tudo aquilo que você tem de bom, conhece ou vivenciou. É positivo você chamar atenção para seus pontos fortes sem deixar a humildade de lado. Ensaiar o discurso na frente do espelho pode ajudar para alguns.

Cuidados com as referências - é muito comum os entrevistadores pedirem referências de empresas ou pessoas para as quais ele (a) possa ligar. Tenha isto já pensado, com telefones e e-mails já separados e, por favor, avise as pessoas que você está colocando-as como referência e pergunte se pode e se ela tem essa disponibilidade em ajudá-lo. Assim, se você quer mudar de emprego em 2011, este é um bom momento, prepare-se e fique atento às oportunidades. Siga confiante e boa sorte!



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;