Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 22 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Acordo Nuclear não pode ser renegociado, diz ministro do Irã



04/03/2021 | 17:57


O ministro de Relações Exteriores do Irã, Javad Zarif, afirmou nesta quinta-feira que o Acordo Nuclear do país persa com outras nações não pode ser renegociado e "ponto final". "Vamos parar de postular - o que ambos fizemos em 2003-2012 sem sucesso - e começar a implementar o JCPOA Plano de Ação Abrangente Conjunto - que ambos realmente assinamos", escreveu a autoridade no Twitter, em referência aos Estados Unidos, que se retiraram do pacto em 2018, durante o governo do ex-presidente Donald Trump.

Sob o comando de Joe Biden, que assumiu a presidência em 20 de janeiro, os EUA sinalizaram que estão dispostos a negociar com o Irã.

Em declarações anteriores, Zarif disse que Washington deveria retirar todas as sanções a Teerã para que o acordo sobre o programa nuclear iraniano, assinado em 2015, fosse retomado.

No final de fevereiro, o alto representante da União Europeia para Relações Exteriores, Josep Borrell, afirmou que contatos diplomáticos "intensos" estavam ocorrendo para garantir a implementação do JCPOA.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Acordo Nuclear não pode ser renegociado, diz ministro do Irã


04/03/2021 | 17:57


O ministro de Relações Exteriores do Irã, Javad Zarif, afirmou nesta quinta-feira que o Acordo Nuclear do país persa com outras nações não pode ser renegociado e "ponto final". "Vamos parar de postular - o que ambos fizemos em 2003-2012 sem sucesso - e começar a implementar o JCPOA Plano de Ação Abrangente Conjunto - que ambos realmente assinamos", escreveu a autoridade no Twitter, em referência aos Estados Unidos, que se retiraram do pacto em 2018, durante o governo do ex-presidente Donald Trump.

Sob o comando de Joe Biden, que assumiu a presidência em 20 de janeiro, os EUA sinalizaram que estão dispostos a negociar com o Irã.

Em declarações anteriores, Zarif disse que Washington deveria retirar todas as sanções a Teerã para que o acordo sobre o programa nuclear iraniano, assinado em 2015, fosse retomado.

No final de fevereiro, o alto representante da União Europeia para Relações Exteriores, Josep Borrell, afirmou que contatos diplomáticos "intensos" estavam ocorrendo para garantir a implementação do JCPOA.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;