Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Aumentam as consultas à CEF sobre programa habitacional

Simulador de financiamento habitacional passou a ter 450 mil acessos por dia, contra os 74 mil anteriores


Do Diário do Grande ABC

22/04/2009 | 07:02


A presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Coelho, informou ontem que após o lançamento do programa Minha Casa, Minha Vida, cresceu o número de acessos à simulação de financiamento habitacional no site da Caixa.

Segundo ela, o simulador da Caixa tinha 74 mil acessos por dia e, a partir do lançamento do programa, passou para 450 mil acessos diários, com mais de 1 milhão de simulações. "As pessoas estão procurando as informações para poderem ter acesso à casa própria".

Segundo Maria Fernanda, construtoras estão apresentando seus projetos à Caixa e municípios já assinaram o termo de adesão. "Nossa expectativa é que entre oito a 12 meses comecemos a entrega de unidades." O programa prevê a construção de 1 milhão de casas, 400 mil destinadas a famílias de até três salários mínimos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Aumentam as consultas à CEF sobre programa habitacional

Simulador de financiamento habitacional passou a ter 450 mil acessos por dia, contra os 74 mil anteriores

Do Diário do Grande ABC

22/04/2009 | 07:02


A presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Coelho, informou ontem que após o lançamento do programa Minha Casa, Minha Vida, cresceu o número de acessos à simulação de financiamento habitacional no site da Caixa.

Segundo ela, o simulador da Caixa tinha 74 mil acessos por dia e, a partir do lançamento do programa, passou para 450 mil acessos diários, com mais de 1 milhão de simulações. "As pessoas estão procurando as informações para poderem ter acesso à casa própria".

Segundo Maria Fernanda, construtoras estão apresentando seus projetos à Caixa e municípios já assinaram o termo de adesão. "Nossa expectativa é que entre oito a 12 meses comecemos a entrega de unidades." O programa prevê a construção de 1 milhão de casas, 400 mil destinadas a famílias de até três salários mínimos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;