Fechar
Publicidade

Domingo, 16 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Broch volta às urnas em busca de cadeira de deputado estadual

André Henriques/ DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Empresário, que foi vice de Donisete em 2016, enfrentará concorrência por vaga na Assembleia


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

07/09/2021 | 02:48


Gerente de operações do Mauá Plaza Shopping, o empresário Cleber Broch retornará às urnas no ano que vem ciente da concorrência pelo cargo que escolheu pleitear: o de deputado estadual. Broch se escorou, porém, no histórico do município em eleger mais de um representante da cidade na Assembleia Legislativa.

Depois de ser vice do ex-prefeito Donisete Braga (ex-PT) na eleição de 2016 (pleito vencido por Atila Jacomussi, hoje no SD), Broch disse que, agora, os planos políticos estão mais estruturados. “Quando vim a vice do Donisete, aconteceu aos 45 minutos do segundo tempo. Era para ser o saudoso Betão (ex-vereador Alberto Betão Pereira Justino, morto em 2017). Como o acordo do Donisete era com o PTB e houve o problema com o Betão, acabaram me escolhendo porque não havia outra pessoa para ocupar. Agora, saí dos bastidores da política porque quero fazer algo por Mauá, a cidade que me acolheu, que me deu tanto.”

Broch reconhece que sua empreitada enfrentará obstáculos, em especial o alto número de postulantes a assentos na Assembleia. “Aqui em Mauá todo mundo decidiu sair para deputado estadual (risos). Mas vejo que tem espaço para todo mundo”, comentou o empresário, dizendo ser parceiro do prefeito Marcelo Oliveira (PT). “Quero ajudar o Marcelo a administrar uma cidade com muito problema.” O governo petista trabalha a candidatura do secretário de Planejamento, Rômulo Fernandes (PT), a deputado estadual. Ao menos quatro vereadores, além de Atila, desenham candidatura à Assembleia.

“Mauá sempre teve dois deputados no cenário”, lembrou Broch, ao continuar sobre a avaliação da corrida eleitoral. Ele citou o período de dez anos que Vanessa Damo (MDB), Atila e Donisete dividiram espaço no Parlamento paulista. Entre 2006 e 2012, Vanessa e Donisete foram deputados, até a vitória do então petista à Prefeitura sobre a emedebista. Em 2014, Vanessa se reelegeu para a Assembleia e ganhou a companhia de Atila. O cenário se desfez em 2015, quando Vanessa teve o mandato cassado. Atila deixou a cadeira em 2016 após se eleger prefeito. Desde então, Mauá está sem representantes na casa.

Broch revelou ainda que está de saída do PDT e que não tem pressa para escolher a futura legenda. “A escolha do partido representa metade da nossa campanha. Se escolher errado, vamos ser escada para outro candidato. Mas aviso que não será de esquerda ou de direita, essa briga não é minha. Prefiro ficar no centro.” 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;