Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Pilotos da região desafiam os Sertões


Lucas Tieppo
Especial para o Diário

23/06/2009 | 07:00


Começa hoje a 17ª edição do Rali Internacional dos Sertões, a competição offroad mais importante das Américas. Serão 172 competidores, em quatro categorias (carros, motos, caminhões e quadriciclos), que tentarão percorrer os 5.043 quilômetros que separam Goiânia (GO) - onde será a largada da competição - de Natal (RN), a linha de chegada. Do percurso total, serão 2.880 km de especiais, quando o tempo é cronometrado.

Ao todo serão 55 motos, 47 carros, sete caminhões e outros sete quadriciclos que levantarão poeira pelo sertão brasileiro e disputarão dez etapas (de hoje até 3 de julho) e que cortarão seis Estados brasileiros: Goiás, Tocantins, Bahia, Pernambuco, Ceará e Rio Grande do Norte.

Mais uma vez o Grande ABC estará representado no segundo maior rali do mundo. O piloto de caminhão Amable Barrasa competirá pela 13ª vez. Ele venceu a prova em 2005 e 2006 e nos dois últimos anos acabou na segunda colocação.

Representam a região ainda os pilotos de moto Márcio di Paolo, João Pereira e José Maria Limonta.

Barrasa, que é empresário em Diadema, apesar de veterano em provas off-road, sabe que detalhes mínimos podem fazer a diferença num rali como o Sertões. "Nos dois últimos anos ocorreram imprevistos que atrapalharam na briga pelo título. Mas em uma prova longa como o Rali dos Sertões, é normal que apareçam alguns problemas", afirmou Barrasa.

Esta será a quinta vez que o piloto disputará a categoria caminhões. Ele estará a bordo de um Ford F-4000 acompanhado pelo navegador Guilherme Petrine Signoretti e o mecânico Raphael Bettoni.

Além das dificuldades da prova, Barrasa terá outra incumbência. Ele é o chefe da Equipe Autoliner, que terá também o Ford Cargo 1722e, conduzido por Ulysses Marinzeck.

"Encaro naturalmente a rotina do rali até pela bagagem que eu tenho. A experiência ajuda bastante, sei o que me espera e também como conduzir da melhor forma o trabalho. A expectativa é voltar a vencer", concluiu Barrasa.

Touaregs da Volks são favoritos antes mesmo da largada

O piloto Maurício Neves, campeão do Rali dos Sertões em 2007, e o navegador Eduardo Bampi farão parte da equipe Volkswagen Motorsport - atual campeã da prova brasileira e também do Rali Dakar e que levará três Touareg, para a prova deste ano.

Será a primeira vez que a equipe alemã, considerada a favorita antes mesmo da largada, contará com uma dupla brasileira.

Neves, um dos melhores pilotos do País, garante que irá brigar por mais um título. "É impossível descrever o que estou sentindo por fazer parte de uma equipe como a Volkswagen. Estou preparado e espero fazer o melhor na prova. Quero pelo menos um lugar no pódio", afirmou o pentacampeão brasileira de rali. "Competir com o melhor carro será muito bom", completou Bampi, que duas vezes disputou o Rali Dakar.

Além dos brasileiros, a equipe terá a dupla espanhola Carlos Sainz (piloto) e Lucas Cruz Senra, além de Nasser Al-Attiyah, do Catar, e o navegador alemão Timo Gottschalk.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;