Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 24 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

CPI: Viscome e assessor nao aparecem para depor


Do Diário do Grande ABC

25/03/1999 | 12:08


A sessao da CPI que apura as irregularidades envolvendo fiscais da prefeitura e a máfia das regionais foi aberta às 10h desta quinta-feira, mas sem a presença de dois dos três convocados para depor: o vereador Vicente Viscome e seu assessor Fernando Leter.

O advogado de Viscome, acusado de ser o mentor do esquema de corrupçao na regional da Penha, Sidney Rodolfo Machado, foi em seu lugar e apresentou o atestado médico, concedido nesta quarta-feira pelo ginecologista de Santo André Mateus Herculano Caruso Silveira, informando que o vereador está com problemas de saúde e terá que repousar por um mês. A mesa diretora da Câmara aceitou o atestado.

Vicente Viscome está foragido há 16 dias, desde que teve sua prisao preventiva decretada.

O outro convocado Fernando Leter, que também tem prisao preventiva decretada, e que trabalhava como assessor de Viscome, na Penha, nao compareceu porque, segundo sua esposa, está viajando.

O presidente da CPI, José Eduardo Martins Cardoso, convocou novamente Viscome e Leter para depor no sábado.

Nesta quinta, só o engenheiro Pedro Saul prestou depoimentos. Ele falou sobre irregularidades envolvendo a coleta de lixo e disse que a regional da Penha arrecadava cerca de 200 mil por mês com a coleta.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

CPI: Viscome e assessor nao aparecem para depor

Do Diário do Grande ABC

25/03/1999 | 12:08


A sessao da CPI que apura as irregularidades envolvendo fiscais da prefeitura e a máfia das regionais foi aberta às 10h desta quinta-feira, mas sem a presença de dois dos três convocados para depor: o vereador Vicente Viscome e seu assessor Fernando Leter.

O advogado de Viscome, acusado de ser o mentor do esquema de corrupçao na regional da Penha, Sidney Rodolfo Machado, foi em seu lugar e apresentou o atestado médico, concedido nesta quarta-feira pelo ginecologista de Santo André Mateus Herculano Caruso Silveira, informando que o vereador está com problemas de saúde e terá que repousar por um mês. A mesa diretora da Câmara aceitou o atestado.

Vicente Viscome está foragido há 16 dias, desde que teve sua prisao preventiva decretada.

O outro convocado Fernando Leter, que também tem prisao preventiva decretada, e que trabalhava como assessor de Viscome, na Penha, nao compareceu porque, segundo sua esposa, está viajando.

O presidente da CPI, José Eduardo Martins Cardoso, convocou novamente Viscome e Leter para depor no sábado.

Nesta quinta, só o engenheiro Pedro Saul prestou depoimentos. Ele falou sobre irregularidades envolvendo a coleta de lixo e disse que a regional da Penha arrecadava cerca de 200 mil por mês com a coleta.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;