Fechar
Publicidade

Sábado, 31 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Obesidade Infantil



24/08/2011 | 00:00


Seu filho já completou um ano e ainda toma mamadeira? O hábito pode levá-lo a ser uma criança obesa. A descoberta surgiu a partir de uma pesquisa realizada nas universidades de Temple e Ohio, nos Estados Unidos. Os médicos concluíram que o costume de tomar mamadeira, um verdadeiro vício entre os pequeninos, aumenta em 30% a chance de desenvolver obesidade infantil. Os dados do estudo foram divulgados no "Journal of Pediatrics" e reproduzidos pelo jornal espanhol "El Mundo". Eles afirmam que 17% das crianças americanas eram obesas aos cinco anos e meio e 22,3% delas tomou mamadeira de leite até os dois anos. Sendo que 18,9% das crianças pesquisadas tomavam mamadeira antes de dormir e o restante durante o dia. A existência de obesidade em crianças de dois anos que ainda mantinham o hábito de tomar mamadeira era de 23%, contra 16% dos bebês que não mamavam mais com esta idade, sendo que o primeiro grupo era cerca de 30% mais propenso a ser obeso aos cinco anos. Já o leite materno, ao contrário, protege contra a obesidade. Utilizado como alimento principal do bebê durante os seis meses de vida, o leite materno deve gradualmente ir sendo substituído por papinhas ingeridas com colher, para que, ao completar um ano, a mamadeira seja substituída sem maiores traumas. Por Yasmin Barcellos



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Obesidade Infantil


24/08/2011 | 00:00


Seu filho já completou um ano e ainda toma mamadeira? O hábito pode levá-lo a ser uma criança obesa. A descoberta surgiu a partir de uma pesquisa realizada nas universidades de Temple e Ohio, nos Estados Unidos. Os médicos concluíram que o costume de tomar mamadeira, um verdadeiro vício entre os pequeninos, aumenta em 30% a chance de desenvolver obesidade infantil. Os dados do estudo foram divulgados no "Journal of Pediatrics" e reproduzidos pelo jornal espanhol "El Mundo". Eles afirmam que 17% das crianças americanas eram obesas aos cinco anos e meio e 22,3% delas tomou mamadeira de leite até os dois anos. Sendo que 18,9% das crianças pesquisadas tomavam mamadeira antes de dormir e o restante durante o dia. A existência de obesidade em crianças de dois anos que ainda mantinham o hábito de tomar mamadeira era de 23%, contra 16% dos bebês que não mamavam mais com esta idade, sendo que o primeiro grupo era cerca de 30% mais propenso a ser obeso aos cinco anos. Já o leite materno, ao contrário, protege contra a obesidade. Utilizado como alimento principal do bebê durante os seis meses de vida, o leite materno deve gradualmente ir sendo substituído por papinhas ingeridas com colher, para que, ao completar um ano, a mamadeira seja substituída sem maiores traumas. Por Yasmin Barcellos

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;