Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Moradores reclamam de obra inacabada na Vila Guaraciaba

Reparos na via não foram concluídos; falta nivelamento e postes estão sem lâmpada


Renata Rocha
Especial para o Diário

31/10/2014 | 07:00


Moradores da Rua 1º de Dezembro, na Vila Guaraciaba, em Santo André, reclamam de obras paradas da Prefeitura. A vizinhança reivindica iluminação pública, pontos de captação de água, que o esgoto que corre a céu aberto termine de ser canalizado, além de nivelamento e colocação de asfalto na via.

“Ficamos felizes quando as obras começaram, mas não terminaram, não fecharam todos os pontos que têm esgoto. Quando chove, espalha tudo pelas ruas, entrando em algumas casas. Parece que nossa felicidade foi só uma ilusão”, disse o aposentado Messias Leonildo Ferreira, 67 anos.

No caso da Rua 1º de Dezembro, a via não foi asfaltada e, segundo os moradores, toda vez que chove o desnível fica maior. Assim, a rua está toda esburacada. Outro problema é na captação de água. Proprietários fizeram buracos em frente aos quintais para evitar que alagamentos invadam as casas.

“Estamos nos virando como podemos. São problemas que poderiam ter sido resolvidos faz tempo. Se começou a obra, por que não terminou? O mínimo que a Prefeitura poderia ter feito é ter dado satisfação aos moradores. Mas tenho a impressão de que acham que já fizeram o suficiente”, disse a vendedora Maria de Cássia Gonçalves, 47.

O representante comercial José Carlos da Silva, 50, é um dos ativistas que buscam melhorias para o bairro. Segundo Silva, a AES Eletropaulo instalou postes de energia em 2009, mas a Prefeitura, que cuida da iluminação pública, ainda não colocou as lâmpadas. “A luta foi longa e árdua. Não queremos obras simbólicas só para dizer que fizeram.”

A maior reivindicação é que o serviço seja terminado. “Esse bairro está habitado há 37 anos e até a administração atual, nenhum prefeito fez obras aqui, alegando se tratar de área irregular. Só por meio de abaixo-assinado e apelo que fiz ao Ministério Público foi que as intervenções começaram. Mas tudo parou pela metade e não pode ficar assim”, disse Silva.

Procurada, a Prefeitura primeiramente não conseguiu localizar a rua e, ontem, disse que responderia as questões apenas na segunda-feira.
 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;