Fechar
Publicidade

Domingo, 17 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Fipe: relação etanol/gasolina cai a 67,68% na 2ª semana do mês em SP

Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


18/10/2017 | 14:11


A relação entre os preços do etanol e os da gasolina na capital paulista desacelerou entre a primeira e a segunda semana deste mês, passando de 68,29% para 67,68%, de acordo com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). O resultado está bem abaixo do nível de 72,06% apresentado na segunda semana de outubro de 2016.

Para especialistas, o uso do etanol deixa de ser vantajoso quando o preço do derivado da cana-de-açúcar representa mais de 70% do valor da gasolina. A vantagem é calculada considerando que o poder calorífico do etanol é de 70% do poder do combustível fóssil. Com a relação entre 70% e 70,5%, é considerada indiferente a utilização de gasolina ou etanol no tanque.

Segundo o coordenador do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fipe, André Chagas, a nova política de preços da Petrobras para combustíveis tem feito com que a relação entre os preços fique favorável ao abastecimento do veículo com etanol.

Além disso, ainda há reflexos da boa safra de cana-de-açúcar. "É o céu de brigadeiro para quem prefere abastecer com etanol", diz.

No IPC, que mede a taxa de inflação na cidade de São Paulo, tanto a gasolina (2,68% para 1,69%) quanto o etanol (de 1,67% para 0,99%) diminuíram o ritmo de alta entre a primeira e a segunda quadrissemana de outubro - últimos 30 dias terminados no domingo, 15.

Com isso, o grupo Transportes passou de variação positiva de 0,67% para 0,46%. O IPC-Fipe, por sua vez, acelerou a 0,16%, após 0,10%, influenciando principalmente pelo grupo Alimentação. Este conjunto de preços saiu de um recuo de 0,30% para alta de 0,30% na segunda leitura do mês.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Fipe: relação etanol/gasolina cai a 67,68% na 2ª semana do mês em SP


18/10/2017 | 14:11


A relação entre os preços do etanol e os da gasolina na capital paulista desacelerou entre a primeira e a segunda semana deste mês, passando de 68,29% para 67,68%, de acordo com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). O resultado está bem abaixo do nível de 72,06% apresentado na segunda semana de outubro de 2016.

Para especialistas, o uso do etanol deixa de ser vantajoso quando o preço do derivado da cana-de-açúcar representa mais de 70% do valor da gasolina. A vantagem é calculada considerando que o poder calorífico do etanol é de 70% do poder do combustível fóssil. Com a relação entre 70% e 70,5%, é considerada indiferente a utilização de gasolina ou etanol no tanque.

Segundo o coordenador do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fipe, André Chagas, a nova política de preços da Petrobras para combustíveis tem feito com que a relação entre os preços fique favorável ao abastecimento do veículo com etanol.

Além disso, ainda há reflexos da boa safra de cana-de-açúcar. "É o céu de brigadeiro para quem prefere abastecer com etanol", diz.

No IPC, que mede a taxa de inflação na cidade de São Paulo, tanto a gasolina (2,68% para 1,69%) quanto o etanol (de 1,67% para 0,99%) diminuíram o ritmo de alta entre a primeira e a segunda quadrissemana de outubro - últimos 30 dias terminados no domingo, 15.

Com isso, o grupo Transportes passou de variação positiva de 0,67% para 0,46%. O IPC-Fipe, por sua vez, acelerou a 0,16%, após 0,10%, influenciando principalmente pelo grupo Alimentação. Este conjunto de preços saiu de um recuo de 0,30% para alta de 0,30% na segunda leitura do mês.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;