Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Tênis de S.Caetano vence outra vez nos Regionais


Fábio Guimaraes
Da Redaçao

13/07/2000 | 00:20


A equipe masculina de tênis de Sao Caetano manteve a hegemonia de quase uma década na categoria livre e conquistou nesta quarta a medalha de ouro nos Jogos Regionais - a exemplo do que as meninas já haviam conseguido terça-feira - ao derrotar Santo André por 2 jogos a 0. Ambos os encontros foram disputados na Academia Bananna Esportes, que recebeu bom público.

Na primeira partida, Daniel Melo (222º colocado no ranking mundial da Associaçao dos Tenistas Profissionais) nao teve trabalho para bater Pedro Zanoni por um duplo 6/2. Nos dois sets, ele mostrou um jogo consistente e, com um saque muito potente, acabou desestabilizando seu adversário. Zanoni apresentou inclusive um nervosismo excessivo, principalmente no primeiro set.

"Vinha atuando no saibro há um mês. Por isso, tive um pouco de dificuldade para me readaptar ao piso de cimento. Mas, mesmo tendo atuado abaixo de minhas expectativas, deu para vencer. Saquei bem e minhas principais jogadas acabaram dando certo", comentou Melo, que disputou o torneio classificatório para Wimbledon.

Ao contrário do primeiro duelo, a partida de fundo foi marcada pelo equilíbrio e qualquer um dos dois atletas poderia ter saído de quadra como vencedor. No final, Adriano Ferreira bateu Marcelo Saliola por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 4/6 e 6/4.

O confronto teve altíssimo nível e entusiasmou o público, que nao se cansou de aplaudir as várias jogadas de efeito. Aces, paralelas e voleios foram aplicados com maestria tanto por Ferreira como por Saliola - amigos fora das quadras, mas rivais desde os tempos de juvenil.

"Nós costumávamos disputar um dos principais clássicos da categoria. Hoje, mesmo estando de fora das competiçoes profissionais, sempre acontece um duelo muito disputado quando nos encontramos", contou o representante de Sao Caetano, Adriano Ferreira, 27 anos.

Marcelo Saliola, um ano mais novo, nao fugiu às características que o marcaram desde o início da carreira: jogo agressivo e temperamento explosivo, bem ao estilo do norte-americano John McEnroe. A cada erro cometido ou bola do adversário na linha, ele colocava para fora toda a sua ira.

Na decisao da medalha de bronze, a equipe de Osasco arrasou Peruíbe. Daniel Bruni fez 6/1 e 6/0 em cima de Ricardo Lima, enquanto Leandro Rosa aplicou um duplo 6/0 diante de Sérgio Nalfel.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;