Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Após seis meses, Temer confirma Dácio como reitor da UFABC

Nario Barbosa/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Depois de período de indefinição, presidente referenda mais bem votado da eleição interna


Humberto Domiciano
Do Diário do Grande ABC

30/05/2018 | 07:00


Após seis meses de indefinição, o governo do presidente Michel Temer (MDB) finalmente oficializou a nomeação de Dácio Roberto Matheus como novo reitor da UFABC (Universidade Federal do ABC). Ele substitui Klaus Capelle.

A portaria foi publicada ontem no Diário Oficial da União e encerra processo iniciado em novembro, quando Matheus foi o mais bem votado de lista tríplice de eleição interna para a reitoria e estava em uma lista tríplice que também tinha os professores José Alex Sant’Anna e Ronei Miotto.

Desde então, o cenário de indefinição acabou sendo intensificado por diversas razões. A primeira foi apontamento feito pelo MEC (Ministério da Educação) sobre possível desrespeito à lei que regulamenta o processo de escolha dos dirigentes das universidades federais do País.

Durante esse momento de incertezas, grupos que disputaram as eleições chegaram a apontar irregularidades no processo de escolha e formação do colégio eleitoral interno, além de falhas no sistema eletrônico de votação.

O conselho universitário possui 42 integrantes votantes, dos quais 28 compareceram, exatamente o necessário para se atingir os dois terços para que a votação fosse válida, de acordo com o regulamento. No entanto, a eleição contou com duas abstenções, o que não estaria previsto, de acordo com uma nota técnica do MEC (Ministério da Educação) de 2011.

Além disso, o Diário mostrou que Temer cogitou não seguir a tradição de referendar a eleição interna e nomear o segundo ou o terceiro colocados no pleito porque recebeu informações que Matheus teria ligações com o PT, seu adversário político.

O novo reitor, por sua vez, exerceu entre fevereiro e maio o cargo de vice-reitor pro tempore (sem prazo) após ter sido nomeado pelo antigo reitor Klaus Capelle. Neste período, Matheus promoveu diversas nomeações e exonerações na instituição de ensino em cargos ligados ao comando da UFABC, como nas pró-reitorias de extensão e cultura, de graduação e de assuntos comunitários e políticas afirmativas.

Ainda no cenário de pressão, o conselho formalizou ofício, denominado moção de preocupação, encaminhado ao MEC, pressionando sobre a demora do presidente Michel Temer em definir o novo reitor da instituição.

Procurada pelo Diário, a UFABC informou que “a reitoria se manifestará depois da assinatura do termo de posse, em Brasília, em data não confirmada”. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;