Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 11 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Preço do álcool deve se estabilizar em abril


Soraia Abreu Pedrozo
Do Diário do Grande ABC

05/04/2010 | 07:00


Após sucessivas quedas no preço do etanol em março, com redução média de R$ 0,30 por litro, o custo do combustível deve se estabilizar. Segundo o presidente do Regran (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do ABCDMRR), Toninho Gonzalez, a tendência é que, em abril, o preço entre baixando de R$ 0,02 a R$ 0,03 por semana, e não mais em R$ 0,10 como ocorreu no mês passado, chegando ao custo médio de R$ 1,39 no Grande ABC.

De acordo com dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo), até o dia 27, o litro do etanol custava cerca de R$ 1,52 e o da gasolina, R$ 2,44. Dessa maneira, o álcool segue mais vantajoso frente à gasolina, custando em média 63% dela. Para calcular basta multiplicar o preço da gasolina por 70%. Neste caso, tem-se R$ 1,70, ou seja, até este valor o etanol é vantajoso.

A equipe do Diário percorreu postos de combustível na região e notou, entretanto, que em muitos lugares o litro do álcool já é vendido até por R$ 1,39 ou até menos. É o caso do Auto Posto Status, localizado à Avenida Pereira Barreto, em São Bernardo, onde o etanol sai por R$ 1,36. A gasolina está sendo vendida a R$ 2,34.

De acordo com o frentista Luiz Carlos de Oliveira, hoje o abastecimento com álcool está equiparado ao da gasolina. "Há dois meses, quando o etanol estava R$ 1,79, cerca de 75% completavam com gasolina", conta.

Seu colega Diogo Cassio complementa que o custo está mais baixo também por conta da concorrência. Existem mais três postos vizinhos onde os preços praticados chegam a até R$ 1,29.

No Auto Posto Rimawe, em São Caetano, o álcool sai por R$ 1,49 e, segundo o gerente Walter Ferreira, o máximo que pode chegar é a R$ 1,39 neste mês. "Acredito que depois de reduzir mais R$ 0,10, o preço deverá se estabilizar", diz.

Em março, o etanol no Grande ABC sofreu desvalorização de quase 16% em seu custo, passando da média de R$ 1,81 na primeira semana para R$ 1,52 na última.

Mas ainda está longe de chegar ao preço praticado no mesmo período do ano passado, quando o litro do etanol estava na casa de R$ 1,11. Nessa época era possível encher o tanque de um carro 1.0, com 45 litros, por R$ 50. Hoje, considerando o álcool a R$ 1,39, é necessário desembolsar R$ 62,50, diferença de R$ 12,50.

A gasolina, por sua vez, deve seguir com seu custo estável na casa dos R$ 2,44. Mesmo em maio, quando a medida do governo de reduzir a mistura de álcool anidro na gasolina para 20% se expira e o percentual retorna a 25%, Toninho, do Regran, não acredita em oscilações significativas de preço.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Preço do álcool deve se estabilizar em abril

Soraia Abreu Pedrozo
Do Diário do Grande ABC

05/04/2010 | 07:00


Após sucessivas quedas no preço do etanol em março, com redução média de R$ 0,30 por litro, o custo do combustível deve se estabilizar. Segundo o presidente do Regran (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do ABCDMRR), Toninho Gonzalez, a tendência é que, em abril, o preço entre baixando de R$ 0,02 a R$ 0,03 por semana, e não mais em R$ 0,10 como ocorreu no mês passado, chegando ao custo médio de R$ 1,39 no Grande ABC.

De acordo com dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo), até o dia 27, o litro do etanol custava cerca de R$ 1,52 e o da gasolina, R$ 2,44. Dessa maneira, o álcool segue mais vantajoso frente à gasolina, custando em média 63% dela. Para calcular basta multiplicar o preço da gasolina por 70%. Neste caso, tem-se R$ 1,70, ou seja, até este valor o etanol é vantajoso.

A equipe do Diário percorreu postos de combustível na região e notou, entretanto, que em muitos lugares o litro do álcool já é vendido até por R$ 1,39 ou até menos. É o caso do Auto Posto Status, localizado à Avenida Pereira Barreto, em São Bernardo, onde o etanol sai por R$ 1,36. A gasolina está sendo vendida a R$ 2,34.

De acordo com o frentista Luiz Carlos de Oliveira, hoje o abastecimento com álcool está equiparado ao da gasolina. "Há dois meses, quando o etanol estava R$ 1,79, cerca de 75% completavam com gasolina", conta.

Seu colega Diogo Cassio complementa que o custo está mais baixo também por conta da concorrência. Existem mais três postos vizinhos onde os preços praticados chegam a até R$ 1,29.

No Auto Posto Rimawe, em São Caetano, o álcool sai por R$ 1,49 e, segundo o gerente Walter Ferreira, o máximo que pode chegar é a R$ 1,39 neste mês. "Acredito que depois de reduzir mais R$ 0,10, o preço deverá se estabilizar", diz.

Em março, o etanol no Grande ABC sofreu desvalorização de quase 16% em seu custo, passando da média de R$ 1,81 na primeira semana para R$ 1,52 na última.

Mas ainda está longe de chegar ao preço praticado no mesmo período do ano passado, quando o litro do etanol estava na casa de R$ 1,11. Nessa época era possível encher o tanque de um carro 1.0, com 45 litros, por R$ 50. Hoje, considerando o álcool a R$ 1,39, é necessário desembolsar R$ 62,50, diferença de R$ 12,50.

A gasolina, por sua vez, deve seguir com seu custo estável na casa dos R$ 2,44. Mesmo em maio, quando a medida do governo de reduzir a mistura de álcool anidro na gasolina para 20% se expira e o percentual retorna a 25%, Toninho, do Regran, não acredita em oscilações significativas de preço.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;