Fechar
Publicidade

Sábado, 6 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Amigos, Donisete e Volpi evitam embate

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ex-prefeito de Ribeirão é cotado para disputar Prefeitura de Mauá contra o petista em 2016


Gustavo Pinchiaro
Do Diário do Grande ABC

17/11/2014 | 07:00


A articulação do PSDB de Mauá para ter o ex-prefeito de Ribeirão Pires e atual secretário estadual adjunto de Esporte, Lazer e Juventude, Clóvis Volpi (PTB), como candidato a prefeito em 2016 pode colocar a amizade do petebista com o atual chefe do Executivo, Donisete Braga (PT), que tentará reeleição, à prova na disputa eleitoral. Enquanto o cenário não se define, no entanto, os dois evitam antecipar o embate.

Donisete destacou ter relação de “amizade e respeito” com Volpi e classificou a discussão como “especulação do PSDB”. “Será um processo muito longo (a definição de candidatos). Quando chegar a época do calendário eleitoral e, se eu for disputar a reeleição, vamos discutir. Por enquanto prefiro não comentar, porque isso é coisa do PSDB. A eleição de outubro ainda nem esfriou, temos que avaliar o rescaldo eleitoral ainda”, argumentou o petista.

O prefeito, que está na metade do seu primeiro mandato, disse que o pensamento atual é para fazer “um bom governo”. A administração tem série de projetos para concluir. Acabou de renovar a concessão das linhas municipais de ônibus e reforma do sistema de Mobilidade Urbano, discute implantação de novo código tributário, aprovou nova Luos (Lei de Uso e Ocupação do Solo), tenta repactuar a dívida municipal passando de R$ 3 bilhões para R$ 469 milhões com a União, entre outros.

Volpi despistou sobre a sondagem tucana para o próximo pleito eleitoral. “O PSDB quer ter candidato em todas as cidades da região, mas por enquanto é só especulação, precisamos ver se tudo isso é verdade. Minha relação de amizade com o Donisete é ótima. Até agora não conversamos sobre essa situação”, revelou o ex-prefeito de Ribeirão Pires, que também não rejeita a possível missão.

‘VOLTA OSWALDO’
Diante das críticas à gestão de Donisete, que tem a penúltima nota entre os prefeitos, 3,6, segundo dados do DGABC Pesquisas de setembro, alas do PT mauaense entoam o coro pela volta do ex-prefeito Oswaldo Dias (PT, 1997-2000, 2001-2004 e 2009-2012).

“O volta (Luiz Inácio) Lula (da Silva, ex-presidente) tem sentido, mas o volta Oswaldo não. Meu candidato em 2016 é o Donisete, trabalhei pela eleição dele e trabalharei pela reeleição. O Volpi também é meu amigo, fomos prefeitos juntos. Se ele vir a ser candidato, será bom, vai aumentar o nível da disputa”, avaliou Oswaldo. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Amigos, Donisete e Volpi evitam embate

Ex-prefeito de Ribeirão é cotado para disputar Prefeitura de Mauá contra o petista em 2016

Gustavo Pinchiaro
Do Diário do Grande ABC

17/11/2014 | 07:00


A articulação do PSDB de Mauá para ter o ex-prefeito de Ribeirão Pires e atual secretário estadual adjunto de Esporte, Lazer e Juventude, Clóvis Volpi (PTB), como candidato a prefeito em 2016 pode colocar a amizade do petebista com o atual chefe do Executivo, Donisete Braga (PT), que tentará reeleição, à prova na disputa eleitoral. Enquanto o cenário não se define, no entanto, os dois evitam antecipar o embate.

Donisete destacou ter relação de “amizade e respeito” com Volpi e classificou a discussão como “especulação do PSDB”. “Será um processo muito longo (a definição de candidatos). Quando chegar a época do calendário eleitoral e, se eu for disputar a reeleição, vamos discutir. Por enquanto prefiro não comentar, porque isso é coisa do PSDB. A eleição de outubro ainda nem esfriou, temos que avaliar o rescaldo eleitoral ainda”, argumentou o petista.

O prefeito, que está na metade do seu primeiro mandato, disse que o pensamento atual é para fazer “um bom governo”. A administração tem série de projetos para concluir. Acabou de renovar a concessão das linhas municipais de ônibus e reforma do sistema de Mobilidade Urbano, discute implantação de novo código tributário, aprovou nova Luos (Lei de Uso e Ocupação do Solo), tenta repactuar a dívida municipal passando de R$ 3 bilhões para R$ 469 milhões com a União, entre outros.

Volpi despistou sobre a sondagem tucana para o próximo pleito eleitoral. “O PSDB quer ter candidato em todas as cidades da região, mas por enquanto é só especulação, precisamos ver se tudo isso é verdade. Minha relação de amizade com o Donisete é ótima. Até agora não conversamos sobre essa situação”, revelou o ex-prefeito de Ribeirão Pires, que também não rejeita a possível missão.

‘VOLTA OSWALDO’
Diante das críticas à gestão de Donisete, que tem a penúltima nota entre os prefeitos, 3,6, segundo dados do DGABC Pesquisas de setembro, alas do PT mauaense entoam o coro pela volta do ex-prefeito Oswaldo Dias (PT, 1997-2000, 2001-2004 e 2009-2012).

“O volta (Luiz Inácio) Lula (da Silva, ex-presidente) tem sentido, mas o volta Oswaldo não. Meu candidato em 2016 é o Donisete, trabalhei pela eleição dele e trabalharei pela reeleição. O Volpi também é meu amigo, fomos prefeitos juntos. Se ele vir a ser candidato, será bom, vai aumentar o nível da disputa”, avaliou Oswaldo. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;