Fechar
Publicidade

Domingo, 13 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Coronel Nishikawa ameaça censurar o Diário

Banco de Dados Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Deputado por São Bernardo alega que sua imagem foi utilizada sem autorização prévia


Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

20/08/2019 | 07:56


Deputado estadual por São Bernardo, Coronel Nishikawa (PSL) ameaça ingressar com ação judicial para censurar o Diário. A reclamação do parlamentar foi vinculá-lo a uma reportagem, publicada no dia 12, sobre a destituição do diretório do PSL de São Bernardo.

O material jornalístico mostrou que a direção do partido na cidade havia sido extinta pela cúpula estadual do PSL depois de o Ministério Público instaurar inquérito para apurar denúncia de cobrança de pedágio no gabinete de Nishikawa na Assembleia Legislativa.

O parlamentar é um dos investigados, suspeito de ficar com até 50% dos salários de funcionários de seu escritório. O esquema, segundo apura o MP, envolveria ainda Walter Resende Filho, seu chefe de gabinete, e David Monteiro de Mello, assessor especial.

Nishikawa questiona a vinculação de seu nome na reportagem ao alegar que nunca fez parte da direção do PSL de São Bernardo – o material jornalístico não cita tal fato e trata apenas da destituição de Resende Filho, então presidente do diretório local.

Notificação extrajudicial feita pelo deputado foi endereçada ao Diário no dia 13. “Concedo prazo de 24 horas, a contar do recebimento desta, para que minha imagem não autorizada seja retirada da matéria referida no portal ou em páginas na internet”. Nishikawa declarou que “tomará medidas legais para preservação dos direitos e indenização por dano à imagem” caso a demanda extrajudicial não seja atendida no prazo por ele estabelecido.

Procurado, o deputado declarou que a notificação não se refere à reportagem, mas sim à sua imagem, que estaria atrelada ao comando do diretório de São Bernardo, do qual ele não faria parte. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Coronel Nishikawa ameaça censurar o Diário

Deputado por São Bernardo alega que sua imagem foi utilizada sem autorização prévia

Daniel Tossato
Do Diário do Grande ABC

20/08/2019 | 07:56


Deputado estadual por São Bernardo, Coronel Nishikawa (PSL) ameaça ingressar com ação judicial para censurar o Diário. A reclamação do parlamentar foi vinculá-lo a uma reportagem, publicada no dia 12, sobre a destituição do diretório do PSL de São Bernardo.

O material jornalístico mostrou que a direção do partido na cidade havia sido extinta pela cúpula estadual do PSL depois de o Ministério Público instaurar inquérito para apurar denúncia de cobrança de pedágio no gabinete de Nishikawa na Assembleia Legislativa.

O parlamentar é um dos investigados, suspeito de ficar com até 50% dos salários de funcionários de seu escritório. O esquema, segundo apura o MP, envolveria ainda Walter Resende Filho, seu chefe de gabinete, e David Monteiro de Mello, assessor especial.

Nishikawa questiona a vinculação de seu nome na reportagem ao alegar que nunca fez parte da direção do PSL de São Bernardo – o material jornalístico não cita tal fato e trata apenas da destituição de Resende Filho, então presidente do diretório local.

Notificação extrajudicial feita pelo deputado foi endereçada ao Diário no dia 13. “Concedo prazo de 24 horas, a contar do recebimento desta, para que minha imagem não autorizada seja retirada da matéria referida no portal ou em páginas na internet”. Nishikawa declarou que “tomará medidas legais para preservação dos direitos e indenização por dano à imagem” caso a demanda extrajudicial não seja atendida no prazo por ele estabelecido.

Procurado, o deputado declarou que a notificação não se refere à reportagem, mas sim à sua imagem, que estaria atrelada ao comando do diretório de São Bernardo, do qual ele não faria parte. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;