Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Volks investe em clínica de basquete


Elaine Granconato
Da Redaçao

25/07/1999 | 21:14


O Volkswagen Clube, de Sao Bernardo, foi palco para a realizaçao da clínica de basquete promovida por jogadores profissionais dos Estados Unidos. Cerca de 180 garotos e garotas, das categorias pré-mini (12 anos) a adulta (19 e 20 anos), de vários clubes e equipes, como Arcor/Santo André, Tietê e Espéria (Sao Paulo), Regatas e Internacional (Santos), participaram.

A delegaçao norte-americana veio composta por 16 pessoas, sendo dois técnicos e 14 jogadores pertencentes à equipe Atletas em Açao, com média de idade entre 20 e 25 anos. As aulas teóricas foram divididas em dois períodos: das 9h às 12h, e das 14h às 17h. No período noturno, os professores e alunos colocavam a prática em quadra. Alguns amistosos entre os times foram realizados em dois dias.

De acordo com Roberto Tavernari, 43 anos, supervisor de atividades esportivas do clube, a iniciativa faz parte do Projeto USA, existente desde 1997 quando as categorias mirim e infantil do Volkswagen estiveram participando de uma clínica no centro de treinamento do Orlando Magic, um dos principais times da NBA. "É uma forma de nossos garotos aprenderem na prática como aplicar os fundamentos do basquete, já que os exercícios sao bastante parecidos", diz.

Embora no Volkswagem o programa de intercâmbio seja pioneiro, outras associaçoes já atuam nesse esquema, como o Esporte Clube Sao Bernardo, o Paineiras e o Pinheiros, ambos de de Sao Paulo. A clínica costuma trazer um retorno eficiente para o desenvolvimento do trabalho com as crianças (alunos das escolinhas) nos clubes.

Metropolitano - No caso do intercâmbio realizado este ano no clube, em particular, as equipes masculinas de basquete do Volkswagen poderao aplicar os ensinamentos na prática durante o Campeonato de Basquete da Grande Sao Paulo, que volta à ativa a partir de nesta segunda-feira, após o recesso de férias entre os jogadores.

As categorias pré-mini, mini e mirim lideram as respectivas chaves na competiçao, segundo Roberto Tavernari. Em 1998, a equipe mini sagrou-se campea da Grande Sao Paulo e a pré-mini campea estadual. As equipes de basquete do Volkswagen sao dirigidas pela técnica Telma Tavernari, que atuou por 18 anos frente à Seleçao Brasileira Feminina de Basquete.

Futebol - Além do basquete, o Volkswagem costuma promover clínicas com equipes de futebol. Integrantes da Brusa, escola norte-americana da modalidade, ficaram alojados no clube e participaram da 1ª Copa Internacional Sub-14, promovida pela Prefeitura Municipal da cidade.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Volks investe em clínica de basquete

Elaine Granconato
Da Redaçao

25/07/1999 | 21:14


O Volkswagen Clube, de Sao Bernardo, foi palco para a realizaçao da clínica de basquete promovida por jogadores profissionais dos Estados Unidos. Cerca de 180 garotos e garotas, das categorias pré-mini (12 anos) a adulta (19 e 20 anos), de vários clubes e equipes, como Arcor/Santo André, Tietê e Espéria (Sao Paulo), Regatas e Internacional (Santos), participaram.

A delegaçao norte-americana veio composta por 16 pessoas, sendo dois técnicos e 14 jogadores pertencentes à equipe Atletas em Açao, com média de idade entre 20 e 25 anos. As aulas teóricas foram divididas em dois períodos: das 9h às 12h, e das 14h às 17h. No período noturno, os professores e alunos colocavam a prática em quadra. Alguns amistosos entre os times foram realizados em dois dias.

De acordo com Roberto Tavernari, 43 anos, supervisor de atividades esportivas do clube, a iniciativa faz parte do Projeto USA, existente desde 1997 quando as categorias mirim e infantil do Volkswagen estiveram participando de uma clínica no centro de treinamento do Orlando Magic, um dos principais times da NBA. "É uma forma de nossos garotos aprenderem na prática como aplicar os fundamentos do basquete, já que os exercícios sao bastante parecidos", diz.

Embora no Volkswagem o programa de intercâmbio seja pioneiro, outras associaçoes já atuam nesse esquema, como o Esporte Clube Sao Bernardo, o Paineiras e o Pinheiros, ambos de de Sao Paulo. A clínica costuma trazer um retorno eficiente para o desenvolvimento do trabalho com as crianças (alunos das escolinhas) nos clubes.

Metropolitano - No caso do intercâmbio realizado este ano no clube, em particular, as equipes masculinas de basquete do Volkswagen poderao aplicar os ensinamentos na prática durante o Campeonato de Basquete da Grande Sao Paulo, que volta à ativa a partir de nesta segunda-feira, após o recesso de férias entre os jogadores.

As categorias pré-mini, mini e mirim lideram as respectivas chaves na competiçao, segundo Roberto Tavernari. Em 1998, a equipe mini sagrou-se campea da Grande Sao Paulo e a pré-mini campea estadual. As equipes de basquete do Volkswagen sao dirigidas pela técnica Telma Tavernari, que atuou por 18 anos frente à Seleçao Brasileira Feminina de Basquete.

Futebol - Além do basquete, o Volkswagem costuma promover clínicas com equipes de futebol. Integrantes da Brusa, escola norte-americana da modalidade, ficaram alojados no clube e participaram da 1ª Copa Internacional Sub-14, promovida pela Prefeitura Municipal da cidade.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;