Fechar
Publicidade

Domingo, 26 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Região oferece cursos gratuitos para idosos

É possível estudar idiomas, aprender dança flamenca, praticar tai-chi-chuan e ter aulas de piano


Soraia Abreu Pedrozo
Do Diário OnLine

25/05/2013 | 07:00


O aposentado do Grande ABC só fica parado se quiser. As prefeituras da região oferecem dezenas de atividades gratuitas para não deixar ninguém em casa só assistindo televisão.

Muitos devem pensar que, depois dos 60 anos, é tarde para aprender outro idioma, mas não é isso o que entendem as administrações municipais, que disponibilizam aulas para a turma da terceira idade. Em São Bernardo, são oferecidas aulas de espanhol e inglês. Em São Caetano, a oferta é larga: inglês, francês, italiano e alemão. Quem quiser aprimorar a própria língua também pode fazer de português.

Em tempos em que todos se comunicam pela internet, as prefeituras também preocupam-se em disponibilizar aulas para que o idoso ingresse no mundo virtual, e sem colocar a mão no bolso. Podem participar os moradores da terceira idade de São Bernardo e Ribeirão Pires.

Santo André organizou neste mês, pela primeira vez, quatro turmas de dez pessoas para participarem do curso que tem duração de 30 horas, sendo duas horas por semana. As aulas mostram como pesquisar assuntos na web e fazer parte das redes sociais, a exemplo do Facebook.

COLETIVO - Se caminhar sozinho é uma atividade pouco animadora, ainda mais para quem já ‘pendurou as chuteiras', é possível se juntar aos grupos que realizam a prática com data e hora marcada em Santo André e em Mauá. Como os pontos de partida são as Unidades Básicas de Saúde, é possível fazer acompanhamento de condições básicas para o bem-estar, como medir pressão e batimentos cardíacos.

Pensando em manter a saúde em dia, em Diadema a terceira idade pode se exercitar ao ar livre com o auxílio de um professor, que fica à disposição de terça a sexta-feira.

Ainda no âmbito coletivo, é possível relaxar em conjuntos. Dentre as atividades, destacam-se as aulas de tai-chi-chuan, oferecidas em Santo André e São Bernardo, e de ioga, na cidade são-bernardense e em Mauá.

ARTES - Os idosos que sempre tiveram inclinação para as artes, mas nunca testaram suas habilidades, podem aproveitar o tempo livre para se dedicar ao que mais gostam. Em São Bernardo, há aulas de teatro e coral. E em todos os municípios da região há cursos de dança. Na cidade, é possível aprender dança flamenca e do ventre. Em Diadema, dança de salão. Em Mauá, dança circular, considerada relaxante.

Se quiser melhorar a postura, e andar elegantemente, Diadema oferece aulas de etiqueta.

Para usufruir dos benefícios, basta pertencer à terceira idade. Não é preciso estar aposentado. Algumas cidades permitem a participação nas atividades a partir dos 50 anos e, a maioria, depois dos 60 anos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Região oferece cursos gratuitos para idosos

É possível estudar idiomas, aprender dança flamenca, praticar tai-chi-chuan e ter aulas de piano

Soraia Abreu Pedrozo
Do Diário OnLine

25/05/2013 | 07:00


O aposentado do Grande ABC só fica parado se quiser. As prefeituras da região oferecem dezenas de atividades gratuitas para não deixar ninguém em casa só assistindo televisão.

Muitos devem pensar que, depois dos 60 anos, é tarde para aprender outro idioma, mas não é isso o que entendem as administrações municipais, que disponibilizam aulas para a turma da terceira idade. Em São Bernardo, são oferecidas aulas de espanhol e inglês. Em São Caetano, a oferta é larga: inglês, francês, italiano e alemão. Quem quiser aprimorar a própria língua também pode fazer de português.

Em tempos em que todos se comunicam pela internet, as prefeituras também preocupam-se em disponibilizar aulas para que o idoso ingresse no mundo virtual, e sem colocar a mão no bolso. Podem participar os moradores da terceira idade de São Bernardo e Ribeirão Pires.

Santo André organizou neste mês, pela primeira vez, quatro turmas de dez pessoas para participarem do curso que tem duração de 30 horas, sendo duas horas por semana. As aulas mostram como pesquisar assuntos na web e fazer parte das redes sociais, a exemplo do Facebook.

COLETIVO - Se caminhar sozinho é uma atividade pouco animadora, ainda mais para quem já ‘pendurou as chuteiras', é possível se juntar aos grupos que realizam a prática com data e hora marcada em Santo André e em Mauá. Como os pontos de partida são as Unidades Básicas de Saúde, é possível fazer acompanhamento de condições básicas para o bem-estar, como medir pressão e batimentos cardíacos.

Pensando em manter a saúde em dia, em Diadema a terceira idade pode se exercitar ao ar livre com o auxílio de um professor, que fica à disposição de terça a sexta-feira.

Ainda no âmbito coletivo, é possível relaxar em conjuntos. Dentre as atividades, destacam-se as aulas de tai-chi-chuan, oferecidas em Santo André e São Bernardo, e de ioga, na cidade são-bernardense e em Mauá.

ARTES - Os idosos que sempre tiveram inclinação para as artes, mas nunca testaram suas habilidades, podem aproveitar o tempo livre para se dedicar ao que mais gostam. Em São Bernardo, há aulas de teatro e coral. E em todos os municípios da região há cursos de dança. Na cidade, é possível aprender dança flamenca e do ventre. Em Diadema, dança de salão. Em Mauá, dança circular, considerada relaxante.

Se quiser melhorar a postura, e andar elegantemente, Diadema oferece aulas de etiqueta.

Para usufruir dos benefícios, basta pertencer à terceira idade. Não é preciso estar aposentado. Algumas cidades permitem a participação nas atividades a partir dos 50 anos e, a maioria, depois dos 60 anos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;