Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Indústria pode cancelar até US$ 20 bilhões em projetos



22/07/2005 | 00:04


A combinação entre juros altos, recuo da cotação do dólar em relação ao real, carga tributária e crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) aquém do esperado poderá reduzir a pó US$ 20 bilhões de investimentos previstos pela indústria para os próximos cinco anos. O alerta é da Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos). O presidente da entidade, Newton de Mello, afirma que projetos estão sendo adiados, cancelados e até redirecionados para outros países.

“O Meirelles (Henrique Meirelles, presidente do Banco Central) e o Palocci (Antonio Palocci, ministro da Fazenda) estão destruindo o país com uma política equivocada de combate à inflação”, critica Mello, acrescentando que os projetos ameaçados concentram-se nos setores de máquinas para infra-estrutura.

A Papel de Imprensa S.A. (Pisa) poderá cancelar ou desviar um investimento de US$ 580 milhões planejado no país este ano, caso não consiga redução de carga tributária de 26% sobre o projeto, diz o vice-presidente de Relações Exteriores da Norske Skog, controladora da Pisa, Afonso Kiehl Noronha. “Ainda não adiamos o investimento, mas existe um risco muito alto. Se nos próximos 30 ou 60 dias não for apresentada alguma alternativa, ele será cancelado ou irá para outro país”, afirma.

Noronha diz que as autoridades, em Brasília, já sabem da possibilidade de a Pisa cancelar ou desviar seus investimentos. Ele espera em até 60 dias uma posição do governo sobre a desoneração ou redução da carga tributária sobre o investimento.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Indústria pode cancelar até US$ 20 bilhões em projetos


22/07/2005 | 00:04


A combinação entre juros altos, recuo da cotação do dólar em relação ao real, carga tributária e crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) aquém do esperado poderá reduzir a pó US$ 20 bilhões de investimentos previstos pela indústria para os próximos cinco anos. O alerta é da Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos). O presidente da entidade, Newton de Mello, afirma que projetos estão sendo adiados, cancelados e até redirecionados para outros países.

“O Meirelles (Henrique Meirelles, presidente do Banco Central) e o Palocci (Antonio Palocci, ministro da Fazenda) estão destruindo o país com uma política equivocada de combate à inflação”, critica Mello, acrescentando que os projetos ameaçados concentram-se nos setores de máquinas para infra-estrutura.

A Papel de Imprensa S.A. (Pisa) poderá cancelar ou desviar um investimento de US$ 580 milhões planejado no país este ano, caso não consiga redução de carga tributária de 26% sobre o projeto, diz o vice-presidente de Relações Exteriores da Norske Skog, controladora da Pisa, Afonso Kiehl Noronha. “Ainda não adiamos o investimento, mas existe um risco muito alto. Se nos próximos 30 ou 60 dias não for apresentada alguma alternativa, ele será cancelado ou irá para outro país”, afirma.

Noronha diz que as autoridades, em Brasília, já sabem da possibilidade de a Pisa cancelar ou desviar seus investimentos. Ele espera em até 60 dias uma posição do governo sobre a desoneração ou redução da carga tributária sobre o investimento.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;