Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Justiça de Diadema suspende reintegração

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Antes sem prazo definido, Prefeitura de Diadema
tem 30 dias para organizar a retirada das famílias


Vanessa de Oliveira
do Diário do Grande ABC

05/08/2015 | 07:07


A juíza da 3ª Vara Cível de Diadema, Cecília Nair Siqueira Prado Euzébio, determinou a suspensão, por 30 dias, da reintegração de posse das 300 famílias integrantes do MLB (Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas) que ocupam, desde o fim de junho, terreno localizado na Avenida Nossa Senhora dos Navegantes, no Jardim Inamar.

Anterior a essa decisão, na semana passada, a juíza havia afirmado que a ação estava suspensa – porém, sem prazo determinado –, até que Estado, município e a proprietária da área, a Amuhadi (Associação de Mutirão Habitacional de Diadema), garantissem desocupação pacífica, além dos direitos dos ocupantes, atendendo a pedido da Defensoria Pública. Agora, a solicitação à magistrada foi feita pela Snapu (Secretaria Nacional de Acessibilidade e Programas Urbanos), responsável pelo trato dos casos de conflitos fundiários urbanos encaminhados ao Ministério das Cidades.

O órgão federal tomou ciência do caso do MLB após o coordenador-geral do movimento, Wellington Bernardo, 38 anos, levar a questão ao Conselho Nacional das Cidades, do qual é integrante. Segundo nota da Snapu, a suspensão visa “melhor definição das negociações em direção a uma solução justa e pacífica para o conflito em questão.”

“Queríamos que o Ministério das Cidades participasse do diálogo que estamos tendo com a Prefeitura, porque não adianta fechar acordo com a administração municipal se não tiver recurso (para a construção de moradias)”, considera Bernardo.

OPÇÃO - O Executivo de Diadema informou que equipe técnica da CEF (Caixa Econômica Federal) fez, na segunda-feira, vistoria em área situada à Avenida Pirâmide, também no Jardim Inamar, para verificação da possibilidade de construção de unidades habitacionais no local. Ainda de acordo com a Prefeitura, reunião marcada com integrantes do MLB para as 14h de hoje tem objetivo de tratar a questão, Existe a expectativa da construção de moradias por meio do Minha Casa, Minha Vida.

A Caixa Econômica não confirmou as informações até o fechamento desta edição. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;