Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 15 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Sardinha vira motivo de festa no Ceará



06/08/2009 | 07:00


Gastronomia, artesanato e cultura. Com esses ingredientes, o município cearense de Cascavel, a 55 quilômetros de Fortaleza, prepara a receita da segunda edição do Festival da Sardinha, evento que promete revitalizar a cadeia produtiva do turismo local. Inspirado no sucesso de outros festivais do litoral do Ceará e que já entraram para o calendário de eventos no Estado - como o Festival do Escargot, da Praia da Taíba, e o Festival das Algas, na Praia de Fleicheiras -, o 2º Festival da Sardinha será realizado de 13 a 16 nas praias da Caponga e Águas Belas. A expectativa de público é de 30 mil pessoas nos quatro dias de evento, igualando o sucesso do ano passado.

Um foco do festival é a conscientização ambiental a favor da preservação da sardinha. Para isso, foram realizadas palestras para crianças e pescadores e um concurso de desenho com estudantes do Ensino Fundamental de escolas da Caponga, Águas Belas e Balbino. Participaram mais de 500 alunos e 25 desenhos foram escolhidos para serem replicados por artistas plásticos da região nas velas dos barcos que participam da regata de paquetes de 14 palmos (embarcação usada na pesca da sardinha), que será realizada no dia 16. "Temos de fazer do festival um momento de reflexão sobre a questão do meio ambiente. Não queremos que a sardinha passe pela mesma situação da lagosta. Para isso é preciso conscientizar crianças e pescadores", diz o organizador do evento, Mamede Rebouças.

De acordo com ele, os pescadores que participarem da regata terão de obrigatoriamente participar também de um seminário sobre pesca e meio ambiente.

O 2º Festival da Sardinha começa no dia 13, às 18h, com um cortejo cultural saindo do calçadão da Praia da Caponga até a arena do festival, na praça de eventos da praia, onde serão armados os estandes de artesanato e gastronomia. Na arena também serão realizadas apresentações teatrais, de música e dança. A noite será fechada com muito forró e outros gêneros musicais.

A programação inclui concurso de pesca da sardinha, de 10 a 15, no calçadão da Caponga, para premiar quem pescar mais. Na primeira edição do evento foram consumidas cerca de três toneladas do peixe.

A exemplo do ano passado, o concurso gastronômico de pratos à base de sardinha também vai incentivar barracas e restaurantes a produzirem guloseimas. A melhor será escolhida pelo público e por especialistas.

Conhecida pelas suas belezas naturais e por ser um importante pólo pesqueiro do Ceará, Cascavel quer revitalizar a cadeia produtiva do turismo local e consolidar atrativos ainda inexplorados, como o roteiro que mistura buggy e barco da Praia de Águas Belas até Barra Nova, onde fica a foz do Rio Choro, uma paisagem de mangues, dunas e falésias ainda preservadas.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;