Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Últimas 24h tiveram maior número de casos em um dia desde início do coronavírus

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Entidade ainda disse que não há comprovação de remédios eficientes para combater doença



05/02/2020 | 13:21


O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesu, afirmou no início da tarde desta quarta-feira que, nas últimas 24 horas, foi registrado o maior número de novos casos de coronavírus em um único dia desde o início do surto. A entidade ainda disse que não há comprovação de remédios eficientes, neste momento, para combater a doença.

Tedros Adhanom Ghebreyesu voltou a apelar por apoio financeiro da comunidade internacional. "Pedimos US$ 675 milhões para financiar plano contra coronavírus nos próximos 3 meses", declarou, em coletiva de imprensa. "Nossa mensagem para comunidade internacional é: invista hoje ou pague mais depois". O diretor-geral ressaltou que a entidade já liberou US$ 9 milhões de seu fundo de emergência para o combate à doença.

Dirigentes da OMS reforçaram que "não é momento para medo, mas para investimentos e ações baseadas em evidências". "Estamos enviando 250 mil testes a mais de 70 laboratórios de referência no mundo". Para, a entidade, não é possível saber se a China esconde ou não alguma informação sobre o surto de coronavírus neste momento.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Últimas 24h tiveram maior número de casos em um dia desde início do coronavírus

Entidade ainda disse que não há comprovação de remédios eficientes para combater doença


05/02/2020 | 13:21


O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesu, afirmou no início da tarde desta quarta-feira que, nas últimas 24 horas, foi registrado o maior número de novos casos de coronavírus em um único dia desde o início do surto. A entidade ainda disse que não há comprovação de remédios eficientes, neste momento, para combater a doença.

Tedros Adhanom Ghebreyesu voltou a apelar por apoio financeiro da comunidade internacional. "Pedimos US$ 675 milhões para financiar plano contra coronavírus nos próximos 3 meses", declarou, em coletiva de imprensa. "Nossa mensagem para comunidade internacional é: invista hoje ou pague mais depois". O diretor-geral ressaltou que a entidade já liberou US$ 9 milhões de seu fundo de emergência para o combate à doença.

Dirigentes da OMS reforçaram que "não é momento para medo, mas para investimentos e ações baseadas em evidências". "Estamos enviando 250 mil testes a mais de 70 laboratórios de referência no mundo". Para, a entidade, não é possível saber se a China esconde ou não alguma informação sobre o surto de coronavírus neste momento.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;